Prefeitura renova contrato para Fórmula 1 em SP até 2025

0
41

A partir do ano que vem o evento se chamará Fórmula 1 Grande Prêmio de São Paulo e, em 2021, acontece no dia 14 de novembro. Segundo a Prefeitura de São Paulo, no ano passado a cidade teve um impacto econômico de R$ 670 milhões com a criação de 8.500 postos de trabalho diretamente relacionados à competição


Depois de muitas indecisões sobre a permanência da Fórmula 1 na cidade de São Paulo, a Prefeitura anunciou que sim: até 2025, o Grande Prêmio de Fórmula 1 acontecerá no Autódromo de Interlagos. No entanto, o nome vai mudar para Fórmula 1 Grande Prêmio de São Paulo.

“Fizemos um grande esforço para manter a corrida na nossa cidade. Aqui temos infraestrutura para turistas e serviços de boa qualidade. Acreditamos que a realização do Grande Prêmio, além de divulgar a cidade para todo o mundo, vai trazer contribuições importantes para a geração de empregos e renda para a população. Temos estudos que mostram que para cada R$ 1,00 investido no GP de São Paulo temos o retorno de R$ 5,20 para a economia local”, disse o prefeito Bruno Covas.

A próxima temporada do prêmio no Brasil acontece no dia 14 de novembro de 2021. “O Brasil é um mercado muito importante para a Fórmula 1, com fãs devotos e uma longa história do esporte no país. A corrida no Brasil sempre foi um destaque para nossos fãs, pilotos e parceiros e estamos ansiosos para proporcionar aos fãs da Fórmula 1 uma corrida emocionante em Interlagos, tanto em 2021 como nos anos subsequentes,” afirmou Chase Carey, chairman e CEO da Fórmula 1.

No ano passado, o presidente da República, Jair Bolsonaro, iniciou uma campanha para levar a Fórmula 1 para o Rio de Janeiro. O presidente chegou a afirmar que existia “99% de chance, ou mais” do evento sair de São Paulo, mas a informação nunca foi confirmada pelo CEO da Fórmula 1.

Segundo a Prefeitura de São Paulo, no ano passado a cidade teve um impacto econômico de R$ 670 milhões com a criação de 8.500 postos de trabalho diretamente relacionados à competição.

O Autódromo de Interlagos quase foi concedido à iniciativa privada. A Prefeitura chegou a apresentar o edital de concessão, mas desistiu do projeto após o Tribunal de Contas do Município concluir que o certame “não possui condições de prosseguimento” e apontar mudanças como a justificativa para realização do negócio, esclarecimentos sobre quais serão os investimentos da concessionária nos 35 anos, entre outras coisas.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.