Zona Sul tem destaque em ranking de delegacias com mais registros de roubos de celulares em 2021

0
4

O Estado de São Paulo registrou aumento de 47% na quantidade de celulares roubados entre maio de 2020 e maio de 2021. Na cidade de São Paulo, o aumento foi de 22% no mesmo período. Na Zona Sul, a maioria dos roubos acontece na Estrada de Itapecerica, Av. Giovanni Gronchi, Av. Brigadeiro Faria Lima, Rua Vergueiro e Estrada do Campo Limpo


Em 2020, um estudo do Departamento de Pesquisas em Economia do Crime da Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (FECAP), com dados da Secretaria de Segurança Pública no primeiro semestre do ano, revelou que dos 10 bairros da capital paulista onde mais aconteceram roubos de celulares, metade estão localizados na Zona Sul.

Em 2021: a história se repete.

Ainda de acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública, dos 10 bairros com mais registros de roubos de celulares em maio 2021, cinco estão na Zona Sul. Os casos foram registrados nas seguintes delegacias de Polícia:

  • 47ºDP Capão Redondo -> 198 casos maio/2020 X 406 casos maio/2021
  • 37º DP Campo Limpo -> 156 casos maio/2020 X 253 casos maio/2021
  • 92º DP Parque Santo Antônio -> 142 casos maio/2020 X 192 casos maio/2021
  • 100º DP Jardim Herculano -> 134 casos maio/2020 X 160 casos maio/2021
  • 85º DP Jardim Mirna -> 143 casos maio/2020 X 154 casos maio/2021

Como é possível observar, em todas as delegacias houve um aumento nos casos de roubos de celulares entre maio de 2020 e maio de 2021. No geral, o Estado de São Paulo registrou aumento de 47% na quantidade de celulares roubados no mesmo período. Em maio de 2021, foram registrados 12.827 roubos de celulares no Estado de São Paulo, ou seja, 17 celulares roubados a cada hora. Em compensação, em maio do ano passado, foram 8.684 celulares roubados.

Na cidade de São Paulo, aumentou 22% a quantidade de celulares roubados: foram 6.161 em maio de 2020 e 7.541 em maio de 2021.

Segundo os boletins de ocorrência, as vias públicas são os principais locais de roubos: foram 6.887 casos. Em seguida, os crimes acontecem nos terminais de ônibus e estações de metrô/trem (210 casos), em comércios/locais de serviços (147 casos), em casa (60 casos) e em veículos em movimento (22 casos).

Por consequência, a Zona Sul tem destaque no ranking das ruas com mais registros de roubos de celulares: das 10 principais vias, cinco estão na Zona Sul. São elas:

  • Estrada de Itapecerica -> 19 casos maio/2020 X 26 casos maio/2021
  • Av. Giovanni Gronchi -> 6 casos maio/2020 X 25 casos maio/2021
  • Av. Brigadeiro Faria Lima -> 4 casos maio/2020 X 24 casos maio/2021
  • Rua Vergueiro -> 10 casos maio/2020 X 23 casos maio/2021
  • Estrada do Campo Limpo -> 9 casos maio/2020 X 23 casos maio/2021

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, houve queda de 10% nos furtos de celulares entre janeiro e maio deste ano, com a prisão de 160 pessoas.

Também foi informado que o policiamento será reforçado na região do Capão Redondo e Campo Limpo.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.