Integrante de quadrilha que rouba relógios de luxo é preso no Itaim Bibi

0
27

Depois de roubar um relógio avaliado em R$ 75 mil na Av. Brigadeiro Faria Lima, homem foi preso por PMs que investigaram os horários que mais acontecem os roubos na região. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, em 2020, a cidade de São Paulo registrou cerca de 790 casos de roubos ou furtos por dia


Quem frequenta o bairro do Itaim Bibi com certeza já ouviu falar de alguém que foi roubado na região. Pode ser o celular, o carro, um relógio. Um dos crimes mais comuns de um dos bairros mais nobres da capital paulista é o roubo de relógio. Para este tipo de crime, aliás, há até quadrilha.

Pois a Polícia Militar conseguiu prender um dos integrantes deste tipo de quadrilha, que assaltou um motorista no dia 16 de fevereiro na Av. Brigadeiro Faria Lima. Para não criar suspeitas, o criminoso utilizava uma mochila de entregador de comida, enquanto circulava de moto.

Um vídeo de uma câmera de segurança mostra que um carro verde surge na avenida e o motorista é abordado pelo suposto motoqueiro, que logo em seguida consegue fugir pela contramão. O relógio roubado está avaliado em R$ 75 mil.

Policiais do 23º Batalhão utilizaram as imagens para identificar o criminoso e os horários que mais acontecem os roubos. “A equipe em patrulhamento visualizou um indivíduo com as mesmas características e ao tentar abordagem o indivíduo fugiu. Após breve acompanhamento, o indivíduo veio a colidir com a traseira de um veículo e seguiu a fuga a pé. A equipe conseguiu deter o indivíduo pela Rua Leopoldo Couto de Magalhães Junior”, disse Ícaro Januário, soldado da Polícia Militar da Segunda Companhia do 23º Batalhão.

De acordo com a Polícia, o criminoso portava uma arma de fogo com a numeração raspada. Ele foi reconhecido pela vítima.

Mesmo em período de pandemia, os roubos continuam acontecendo na capital paulista. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, em 2020, a cidade de São Paulo registrou cerca de 790 casos de roubos ou furtos por dia. No total foram: 164.444 furtos e 124.552 roubos no ano passado. Esses números, no entanto, são menores do que os de 2019 quando foram registrados 226.566 furtos e 137.369 roubos.

Um levantamento realizado pelo Instituto Sou da Paz revelou que houve um aumento dos casos de roubos registrados em várias delegacias de Polícia da cidade de São Paulo em 2020, em comparação com 2019.

E a região da cidade onde isso mais aconteceu foi na Zona Sul. Das 10 delegacias com mais registros de roubos, 4 estão na Zona Leste e 7 estão localizadas na Zona Sul: em Cidade Ademar, Vila Joaniza, Americanópolis, Campo Belo e Capela do Socorro.

Fonte: Instituto Sou da Paz

SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.