Deputados paulistas aprovam projeto do Governo para antecipar feriado em SP para o dia 25

0
336

O projeto, que segue para sanção do governador João Doria, tem o objetivo de aumentar a taxa de isolamento no Estado, que em dias úteis, não passa de 50%


Deputados da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) aprovaram o projeto do Governo de São Paulo para antecipar o feriado de 9 de julho para a próxima segunda-feira (25), em mais uma tentativa de manter as pessoas em casa e barrar a proliferação do coronavírus.

“Nós temos que tentar achatar a curva da infecção aqui em São Paulo e na grande São Paulo, tentando postergar para que não haja a necessidade de um dia o médico precisar escolher quem vai usar o respirador na UTI”, disse o líder do governo na Alesp, deputado Carlão Pignatari (PSDB).

O projeto, que segue para sanção do governador João Doria, tem o objetivo de aumentar a taxa de isolamento no Estado, que em dias úteis, não passa de 50%. Já em feriados e, principalmente, aos domingos, as autoridades têm registrados níveis de isolamento mais satisfatórios.

O feriado da próxima segunda-feira vai ampliar os dias em que moradores da capital estão em casa, já que, na cidade de São Paulo, os feriados de Corpus Christi (11 de junho) e Consciência Negra (20 de novembro) foram antecipados para os dias 20 e 21 de maio, com ponto facultativo no dia 22.

Estes dois dias a mais de isolamento, porém, não foram tão significativos: na quarta-feira (20), a capital registrou 51% de isolamento e, na quinta-feira (21), a taxa subiu para 52%.

Segundo o prefeito Bruno Covas, esses feriados antecipados são a última opção da Prefeitura e Governo do Estado para decretarem lockdown, ou seja, o fechamento completo da cidade. Na próxima semana, após análise completa das taxas de isolamento durante os feriados, Prefeitura e Governo vão se posicionar se haverá ou não lockdown no Estado de São Paulo.

“Dia 27, quarta-feira, a gente deve anunciar, ao lado do governador João Doria (PSDB), o que acontece a partir de 1º de junho [quando termina o decreto da atual quarentena]”, explicou o prefeito.

Na segunda-feira (25), então, o rodízio de veículos, que voltou a sua rotina tradicional desde a última segunda-feira (18), está suspenso.

As 13 unidades do Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (Cate) da Prefeitura, que foram reabertas para auxiliar a população com o seguro desemprego e o auxílio emergencial, estarão fechadas.

Já os postos de arrecadação de doações do programa Cidade Solidária continuam abertos, das 10h às 17h, para receber alimentos e itens de higiene e limpeza, que serão encaminhados para instituições e comunidades carentes. Confira os endereços:

  • Biblioteca Mário de Andrade | Rua da Consolação, 94 – República
  • Centro Cultural São Paulo | Rua Vergueiro, 1.000 – Liberdade
  • Teatro Arthur Azevedo | Avenida Paes de Barros, 955 – Mooca
  • Centro Cultural da Diversidade | Rua Lopes Neto, 206 – Itaim Bibi
  • Tendal da Lapa | Rua Constança, 72 – Lapa
  • Casa de Cultura Vila Guilherme | Praça Oscar da Silva, 110 – Vila Guilherme
  • Casa de Cultura do Butantã | Avenida Junta Mizumoto, 13 – Jardim Peri Peri
  • Centro Cultural Santo Amaro | Avenida João Dias, 822 – Santo Amaro
  • Cruz Vermelha Brasileira São Paulo | Av. Moreira Guimarães, 699 – Indianópolis

FALE COM A REDAÇÃO: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.