14.1 C
São Paulo
domingo, 26 junho, 2022
Mais

    Ciclovia da Marginal Pinheiros é interditada para obras da Estação Santo Amaro

    Mais lidas

    A obra faz parte do processo de requalificação da estação, cujo principal objetivo é ampliar em 4 mil m² a área de circulação de passageiros. A Estação Santo Amaro passa por obras de ampliação desde janeiro de 2020


    A ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás de metrô, informou que o trecho da Estação Santo Amaro da Ciclovia da Marginal Pinheiros estará interditado para ciclistas em alguns períodos entre as 23h de sábado (06) e às 3h de segunda-feira (08).

    O motivo do fechamento temporário da pista é a montagem do trecho final do pilar em V na margem leste do rio Pinheiros. A obra faz parte do processo de requalificação da estação, cujo principal objetivo é ampliar em 4 mil m² a área de circulação de passageiros.

    Na ciclovia, os trechos interditados estarão sinalizados com placas, orientando os ciclistas.

    OBRAS NA ESTAÇÃO SANTO AMARO

    A Estação Santo Amaro passa por obras de ampliação desde janeiro de 2020.

    Segundo a ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás, “o objetivo é aprimorar a infraestrutura da área de transferência que liga a estação à Linha 9-Esmeralda, da CPTM, para tornar o espaço compatível à atual demanda de público, que cresceu em mais de 90% – de 320 mil para 600 mil passageiros – desde a abertura das últimas estações e conclusão da linha no ano passado”.

    No total, serão implantados cerca de 4 mil m² a mais de espaço nas plataformas, mezaninos e passarela de integração com a Linha 9-Esmeralda para melhorar a fluidez dos passageiros, especialmente em horários de grande movimentação. Também serão instaladas mais 8 escadas rolantes e 4 elevadores.


    SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas