15.5 C
São Paulo
quinta-feira, 26 maio, 2022
Mais

    Zona Sul de SP é a 2ª região com mais conjuntos habitacionais aprovados pela Prefeitura em 2019

    Mais lidas

    Segundo a Prefeitura, “os novos conjuntos contabilizam 50.158 unidades habitacionais voltadas para Habitação de Interesse Social e Habitação de Mercado Popular”


    A Zona Sul de São Paulo é a segunda região com o maior número de conjuntos habitacionais populares aprovados pela Prefeitura, em 2019. À frente está a Zona Leste com 1.116 aprovações. Isso significa um aumento de 19% nas aprovações, em comparação com 2018, ano em que 938 processos habitacionais foram admitidos.

    Segundo a Prefeitura, “os novos conjuntos contabilizam 50.158 unidades habitacionais voltadas para Habitação de Interesse Social (HIS) – famílias que recebem até 6 salários mínimos, e Habitação de Mercado Popular (HMP) – famílias que recebem entre 6 e 10 salários mínimos”.

    No total, a Secretaria Municipal de Licenciamento (SEL) deu aval para que quase seis milhões de m² fossem construídos na capital no ano passado, gerando, para a economia, cerca de 161,2 mil empregos diretos e indiretos.

    Ainda em 2019, o tempo de emissão de alvarás foi reduzido pela administração municipal, o que “possibilitou a construção de moradias para a população de baixa renda, aprovou a Lei de Regularização de Edificações e lançou o Portal de Licenciamento”, explicou a Prefeitura.

    Entre fevereiro do ano passado e janeiro deste ano, a Secretaria Municipal de Licenciamento emitiu mais de cinco mil licenças de construção. A Vila Mariana é a Subprefeitura com a maior metragem aprovada: 849 mil m². Entre todas as licenças expedidas, cerca de 2,9 milhões de m² foram para edificações residenciais.

    De acordo com um balanço de lançamentos e vendas do Sindicato da Habitação – SP (Secovi), o mercado imobiliário da região Sul foi o que mais cresceu em São Paulo, garantindo 65,10% das permissões de construção.

    No ano passado, o bairro que mais cresceu foi Santo Amaro, com 4.151 dos lançamentos imobiliários. Em seguida, e também na Zona Sul, estão Sacomã (3.170 unidades) e Vila Mariana (1.825 lançamentos).

    No restante da cidade, os lançamentos imobiliários estão distribuídos em: 45,1% na Zona Oeste, 42% na Zona Norte, 35% no Centro e 9,70% na Zona Leste.

    Apesar da Zona Leste ter a menor quantidade de lançamentos em 2019, é a região que mais tem autorizações de alvarás, com 43,6% do total de alvarás emitidos. A Zona Norte tem 20% e a Oeste, 15%. A Zona Sul registra 19% de alvarás emitidos, ou seja, um aumento de 65% em relação a 2018.


    FALE COM A REDAÇÃO
    Sugestões de pauta, envie email para: reportagem@gruposulnews.com.br

    - Patrocinado -

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas