17.6 C
São Paulo
sábado, 28 maio, 2022
Mais

    Polícia prende um dos suspeitos de matar PM aposentado em assalto no Itaim Bibi

    Mais lidas

    O caso aconteceu no dia 11 de setembro quando o PM fazia a escolta de um empresário que havia sacado 40 mil dólares em uma casa de câmbio


    Na última quarta-feira (25) a Polícia prendeu Leandro Augusto, 33 anos, um dos quatro criminosos suspeitos de participar do assassinato do PM aposentado Paulo Leonel Melo, de 52 anos.

    O caso aconteceu no dia 11 de setembro, na Rua Dr. Renato Paes de Barros, no Itaim Bibi, e a Polícia acredita que Leandro Augusto é o mentor do crime. O caso é investigado como latrocínio (roubo seguido de morte) pois a ideia principal era roubar um empresário que havia sacado 40 mil dólares de uma casa de câmbio. O PM fazia a escolta do empresário no momento do assalto.

    A Polícia procura por um motoqueiro (a esquerda) e William Tomaz, suspeito de atirar contra o PM

    Segundo a Polícia, foi Leandro Augusto quem levou o atirador, William Tomaz Silva Ramos, para fazer o assalto. William, que disparou duas vezes contra o PM, está foragido.

    A Polícia ainda procura por mais dois suspeitos: Tiago Silva, que fazia a escolta do atirador, e um motoqueiro que ajudou na fuga.

    Segundo o delegado Fernando César de Souza, todos os integrantes da quadrilha tem passagem por roubo e já tiveram suas prisões decretadas por causa deste crime. “É uma questão de honra essa prisão, de toda essa quadrilha que foi identificada: seus quatro indivíduos, a conduta de cada um no crime, o que os motivou. Nós conseguimos prender esse rapaz na Zona Norte, recuperar uma parte do dinheiro roubado, identificar todos os membros da quadrilha, os veículos utilizados no crime foram apreendidos, a roupa dos dois indivíduos que aparecem nas filmagens foi apreendida também na casa deles, capacete, a mochila. O crime está totalmente esclarecido, no que se refere aos executores diretos e indiretos”, disse.

    Latrocínio: roubo seguido de morte 

    Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a capital paulista apresentou redução de cinco para três nos casos de latrocínio no mês de agosto, sendo a menor quantidade para a série histórica do período.

    No Estado de SP, “os casos caíram mais que a metade, passando de 23 para 10 ocorrências registradas no mês passado. A quantidade de vítimas passou de 23 para 11. Os índices são os menores da série”, informou a SSP.    


    FALE COM A REDAÇÃO
    Sugestões de pauta, envie email para: reportagem@gruposulnews.com.br

    - Patrocinado -

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas