Polícia Militar apreende 100kg de cocaína em comunidade de Interlagos

0
138

Através de denúncia, PMs monitoraram dia a dia na Comunidade da Paz e encontraram o carregamento da droga dentro de um caminhão estacionado perto do Autódromo de Interlagos


O caminhão com a cocaína estava estacionado perto do Autódromo de Interlagos

Uma denúncia anônima foi o suficiente para que 100 kg de cocaína chegassem as mãos da Polícia, ao invés de serem comercializados por traficantes da Zona Sul de São Paulo. A apreensão aconteceu no dia 18 de junho, próximo do Autódromo de Interlagos.

O Capitão PM Camasano, do 27º Batalhão da 3ª Companhia BPM, recebeu a denúncia através de um professor de uma escola pública de Interlagos. O pai de um ex-aluno da instituição contou ao professor que estava preocupado com o envolvimento de seu filho no tráfico de drogas.

“Esse professor me ligou e passou a informação. O pai ouviu o filho dizendo que ia chegar esse carregamento na Comunidade da Paz para abastecer os pontos de droga”, explicou o Capitão Camasano.

O Capitão Camasano recebeu a denúncia de um professor de uma escola pública de Interlagos

A rotina dos moradores da Comunidade da Paz foi monitorada pela Polícia Militar durante alguns dias, para que a cocaína fosse apreendida. “A gente sabia que ia ser um caminhãozinho pequeno, que ia estar estacionado perto do Autódromo, pro pessoal da favela pegar e distribuir a cocaína. Desses 100 kg eles fazem 300, 400 kg. Tinha até uma identificação de pureza, da qualidade da cocaína”, complementou.

Para o capitão, a ação não foi apenas um prejuízo para o tráfico. “O que mais me deixou satisfeito nessa ação não foi o prejuízo dado aos traficantes, mais sim quantas crianças e adolescentes ficaram longe do mundo perverso das drogas”.

Durante a operação, ninguém foi preso. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, “o 48º DP (Cidade Dutra) instaurou inquérito policial para continuidade das investigações, a fim de identificar outros possíveis envolvidos. A droga foi periciada pelo Instituto de Criminalística e permanece apreendida, aguardando autorização para incineração”.


FALE COM A REDAÇÃO
Sugestões de pauta, envie email para: reportagem@gruposulnews.com.br

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.