Patinetes estacionados em calçada dificultam trânsito de pedestres em Santo Amaro

0
362

A própria empresa instalou um ponto de estacionamento na calçada contrariando recomendação que dá aos clientes para não atrapalhar a circulação de pedestres

 

 

Há poucos dias, a Prefeitura de São Paulo instituiu as regras para o uso de patinetes elétricos na capital paulista. Entre elas: velocidade máxima de 20 km/h; uso obrigatório de capacete (que deve ser fornecido pelas empresas); uso individual do patinete e proibição para circular pelas calçadas, sendo permitido apenas em ciclovias/ciclorrotas e ruas com velocidade máxima de 40 km/h.
Sobre o estacionamento, a Prefeitura enfatiza que “as empresas deverão evitar a concentração de equipamentos estacionados em logradouros públicos. Caso isso aconteça, terão a obrigação de recolhê-los, sob pena de apreensão por agentes das Subprefeituras. As patinetes estacionadas não podem impedir a livre circulação de pedestres nos logradouros públicos”.
Patinetes estacionados na Rua São Sebastião, em Santo Amaro
Mas, alguns moradores de Santo Amaro manifestaram dúvidas quanto ao estacionamento dos veículos, após a divulgação de fotos de 10 patinetes elétricos da Yellow, startup conhecida pelo aluguel de bicicletas, estacionados em uma calçada na Rua São Sebastião.
Algumas pessoas reclamam que “calçada é lugar de pedestre”, “deveria ter um lugar próprio para isso, não na calçada de pessoas aleatoriamente”. Outras pessoas defendem que é “um benefício para a população que tem uma opção de transporte limpo e alternativo”.
Em seu site, a Yellow informa que os veículos devem ser estacionados “em locais que não atrapalham a circulação de pedestres como vagas comuns de veículos, bolsões de bicicleta e paraciclos públicos (aqueles arcos amarelos de metal); ou nos pontos indicados no app. Nunca estacione em: calçadas, faixas de pedestres, vagas especiais, saídas de garagens, zona azul ou afins, sempre dentro da área de atuação da sua cidade”.
No entanto, no local reclamado pelos moradores, há uma placa informando “Estacione a Grin aqui”. A Grin é a maior empresa de patinetes elétricos da América Latina, que, junto com a Yellow, formam a empresa Grow, focada em mobilidade.
Procurada, a Grow informou que “irá retirar os equipamentos do ponto citado e também a placa de sinalização. O pedestre é sempre prioridade para a Grow, por isso, orienta que os usuários estacionem os patinetes em um dos pontos privados parceiros ou em qualquer local da área de atuação, contanto que tome cuidado para não atrapalhar o fluxo de pedestres”.
A empresa não informou, contudo, porque instalaram ponto de estacionamento nesta calçada, contrariando a recomendação inserida em seu próprio site.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.