22.4 C
São Paulo
sábado, 2 julho, 2022
Mais

    Para chegar ao Terminal Varginha, passageiros esperam ônibus por quase 1 hora em outro terminal

    Mais lidas

    A demora de 1 hora na chegada do ônibus contradiz SPTrans de que a linha 6960-10 realiza viagens com intervalos de 8 a 9 minutos saindo do Terminal Santo Amaro

     

    Nas redes sociais circula o seguinte relato: “Essa é a situação que moradores do Varginha e região encontram no Terminal Santo Amaro todos os dias, por volta das 17h: de três a quatro filas imensas (não tem mais filas por falta de espaço), fora o tempo de espera de 40 min a 1 hora de um ônibus para outro. Ontem (29/01) chegaram 5 [ônibus] Terminal Grajaú, enquanto chegou 1 Terminal Varginha. R$ 4,30 na condução para essa situação precária…”.
    Um morador da região de Interlagos reclama do atraso dos ônibus da linha 6960-10, que faz o trajeto Terminal Santo Amaro/Terminal Varginha.
    A espera de 40 minutos para a chegada do ônibus, de acordo com o relato do morador, contradiz informações do site da SPTrans sobre o horário programado para as partidas de cada ônibus. O site informa que, saindo do Terminal Santo Amaro para o Terminal Varginha, na faixa de horário das 17h às 17h59, a linha 6960-10 realiza 8 viagens com intervalos de 8 a 9 minutos entre cada ônibus.
    No site, a SPTrans defende que “eventualmente, os horários programados poderão divergir do realizado, em função de fatores externos, como, por exemplo, o trânsito”.
    Em nota, a SPTrans informou que “já acionou a equipe de fiscalização para acompanhar a linha 6960-10 Term. Varginha – Term. Santo Amaro e coibir irregularidades. Nos próximos dias, a operação da linha será monitorada e, caso a programação de partidas seja descumprida, a empresa será multada”.
    O órgão reiterou que os passageiros, “podem fazer suas reclamações e sugestões para contribuir com o processo de fiscalização. Para isso, basta entrar em contato com a SPTrans pelo site https://sp156.prefeitura.sp.gov.br/portal, pelos canais da SPTrans no Facebook e no Twitter ou ainda por meio do telefone 156”.

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas