Coworking público com foco em gastronomia é inaugurado na Zona Sul

0
110

O coworking já tem uma cozinha, que desde 2016 é utilizada por cozinheiras da cooperativa Misturas & Sabores para fazer marmitas e refeições para vender para pessoas que frequentam a região do Brooklin. O espaço público, que fica dentro do Conjunto Habitacional Jardim Edite, oferece computadores com acesso à internet, wi-fi e sala de reunião para empreendedores gastronômicos


O primeiro coworking público da cidade de São Paulo, com foco em gastronomia, foi inaugurado nesta quarta-feira (12), na Zona Sul. Os coworkings da Prefeitura, conhecidos como Teias, oferecem um espaço com computadores e acesso à internet, wi-fi, mesas para utilização de notebooks e sala de reunião.

O diferencial do coworking criado no Conjunto Habitacional Jardim Edite, no Brooklin, é que todas as atividades são relacionadas a gastronomia e o local já tem uma cozinha, que faz parte da rede Cozinha Escola da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho. Desde 2016 a cozinha é utilizada por cozinheiras da cooperativa Misturas & Sabores que, além de moradoras do condomínio, utilizam o espaço para fazer marmitas e refeições para vender para pessoas que frequentam a região do Brooklin.

Para funcionar como coworking, o espaço foi adaptado com um investimento de R$ 120 mil e vai ser aberto a partir de segunda-feira (17), inicialmente das 10h às 14h. Quando a cidade de São Paulo passar para a Fase Verde do Plano São Paulo de flexibilização, referente a pandemia do coronavírus, o Teia Jardim Edite vai funcionar das 9h às 18h. Para utilizar o local é necessário fazer agendamento prévio no site: https://bit.ly/agendamento-teia-edite

“Este Teia envolverá todas as áreas da gastronomia apoiando a população da região, em especial do Jardim Edite, que conta com mais de 1.300 moradores. Temos o escritório onde os empreendedores gastronômicos poderão adquirir conhecimento técnico sobre vendas, marketing, precificação dos produtos e outros cursos. Um espaço moderno para a realização de reuniões com clientes e ampliação do networking, além da cozinha industrial que poderá ser utilizada para a realização de cursos práticos e a produção de pratos para a geração de renda desses cozinheiros”, explicou Aline Cardoso, secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho.  

DE FAVELA A CONDOMÍNIO

O Conjunto Habitacional Jardim Edite fica localizado na Rua Charles Coulomb, 120, próximo a três das principais avenidas da cidade de São Paulo: Jornalista Roberto Marinho, Chucri Zaidan e Engenheiro Luís Carlos Berrini.

O local já foi uma das principais comunidades da Zona Sul e hoje abriga 1.300 pessoas nas mais de 300 unidades habitacionais. No condomínio há uma Unidade Básica de Saúde e uma creche.

TEIAs

As outras unidades do coworking Teia da Prefeitura estão localizadas em Taipas, no Centro, na Cidade Tiradentes, em Parelheiros e em Santo Amaro. Desde o início da quarentena os locais estão fechados, oferecendo serviços online.

– o Teia Parelheiros, dentro do Parque Nascentes do Ribeirão Colônia, é um espaço dedicado aos empreendedores rurais da Zona Sul, com atividades voltadas à agricultura e ecoturismo.

– o Teia Santo Amaro, dentro do Centro de Cidadania da Mulher, é focado no empreendedorismo feminino e oferece acesso à internet, sala de reunião, oficinas, palestras e mentorias para estimular o networking entre as empreendedoras locais. Essa unidade já reabriu e também funciona mediante agendamento prévio pelo site: www.bit.ly/agendamentosantoamaro


FALE COM A REDAÇÃO: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.