Concessionária interdita ciclovia para iniciar montagem de passarela da Estação Santo Amaro

0
22

A montagem acontece entre sábado (13) e segunda-feira (15) e, nesse período, o trecho da Ciclovia da Marginal Pinheiros vai sofrer interdições parciais ou totais. A estação está em obras de ampliação desde o ano passado, com previsão de término para 2022


Entre às 7h do próximo sábado (13) e às 18h da próxima segunda-feira (15), a ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás do Metrô, vai montar e içar uma estrutura metálica de 45 metros e 48 toneladas na Estação Santo Amaro, como parte das obras de requalificação da estação.

A peça gigante, que tem formato de treliça, tem a função de sustentar parte da lateral da passarela ampliada da estação.

Nesse período, a estação, que também atende a Linha 9-Esmeralda da CPTM, vai funcionar normalmente. No entanto, o trecho da Ciclovia da Marginal Pinheiros, próximo à Estação Santo Amaro, vai sofrer interdições parciais ou totais.

A ViaMobilidade informou que “recomenda às pessoas que utilizam a ciclovia somente para lazer e atividade física evitar o trecho nesses dias. O trecho está sinalizado e conta com orientação dos colaboradores da concessionária”.

Os trabalhos de ampliação da Estação Santo Amaro estão previstos para serem concluídos em 2022. A estação vai ganhar 4.000m² nas áreas de circulação, terá as plataformas e a área de transferência ampliadas, e serão instalados 4 elevadores e 8 escadas rolantes.

As obras na estação começaram em janeiro de 2020, com o objetivo de “aprimorar a infraestrutura da área de transferência que liga a estação à Linha 9-Esmeralda, da CPTM, para tornar o espaço compatível à atual demanda de público, que cresceu em mais de 90% – de 320 mil para 600 mil passageiros – desde a abertura das últimas estações e conclusão da linha no ano passado [2019]”, de acordo com a ViaMobilidade.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.