Centro Cultural da Diversidade, no Itaim Bibi, recebe doações para ajudar famílias carentes durante a pandemia

0
462

As doações são iniciativa do projeto “Ação Cidade Solidária” da Prefeitura que, junto com organizações da sociedade civil, vai ajudar famílias em situação de extrema vulnerabilidade


Para estimular a solidariedade e gerar doações para quem precisa de alimentos e itens de necessidade básica neste momento de pandemia, a Prefeitura lançou o projeto Ação Cidade Solidária que, junto com organizações da sociedade civil, vai ajudar famílias em situação de extrema vulnerabilidade enquadradas no grupo prioritário do Programa Estratégia de Saúde da Família.

“Muito mais do que uma ação pública, trata-se de uma ação em parceria com a sociedade civil. Várias ONGs e entidades já faziam esse trabalho e agora se unem à Prefeitura de São Paulo para atingir um número muito maior de pessoas carentes na cidade”, explicou o prefeito Bruno Covas.

Na primeira etapa do programa, a população pode doar cestas de alimentos e itens de higiene pessoal e de limpeza. Todos os itens devem ser entregues em locais de coleta determinados pela Prefeitura, sendo três na Zona Sul:

  • no Centro Cultural da Diversidade, no Itaim Bibi (Rua Lopes Neto, 206);
  • no Centro Cultural Santo Amaro, em Santo Amaro (Avenida João Dias, 822);
  • e no Centro Cultural São Paulo, no Paraíso (no local de acesso de veículos, 20 metros antes da esquina com a Rua Vergueiro).

As entregas devem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h.

Segundo a Prefeitura, “as cestas de alimentos e as cestas de higiene e limpeza deverão conter itens específicos, com produtos não perecíveis. Outras doações em grandes quantidades de itens das cestas também poderão ser realizadas, em canal direto com a coordenação do Programa”.

As famílias em situação de extrema vulnerabilidade enquadradas no grupo prioritário do Programa Saúde da Família vão ser beneficiadas com as doações entre os meses de abril e julho. Os principais beneficiários são idosos com mais de 60 anos, pessoas com deficiência e suas famílias, pessoas com doenças pré-existentes e famílias em vulnerabilidade, com foco nas ocupações (favelas e cortiços).

Confira os itens de doação da cesta básica de alimentos: dois pacotes de leite em pó integral instantâneo, com 400 gramas cada; 5 kgs de Arroz agulhinha; 1 kg de Feijão carioquinha; 1,5 kg de Farinha de mandioca branca; 1 kg de Açúcar refinado; 900 ml de Óleo de soja; 1 kg de Sal; 1 pacote de Macarrão tipo espaguete; 1 embalagem em caixa de Polpa ou purê de tomate e 2 latas de Sardinha em óleo comestível.

Confira os itens de doação da cesta básica de higiene: Sabonete, Escova e creme denta, absorvente e Papel higiênico.

Confira os itens de doação da cesta básica de limpeza: Água sanitária; Detergente em pó; Desinfetante e Esponja multiuso.

As cestas também podem ser doadas na Biblioteca Mário de Andrade (Centro), no Teatro Arthur Azevedo (na Mooca), Tendal da Lapa (na Lapa), Casa de Cultura Vila Guilherme (na Vila Guilherme) e na Casa de Cultura do Butantã (no Jardim Peri).


FALE COM A REDAÇÃO[email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.