23.6 C
São Paulo
quinta-feira, 26 maio, 2022
Mais

    Casa desaba em Moema após construtora demolir casas da vizinhança

    Mais lidas

    Um casal com o bebê de 9 meses tentava fugir no momento do desabamento. A família já tinha alertado a construtora, que disse não haver riscos no local

     

    Na madrugada do dia 12 de fevereiro, uma casa desabou na Av. Ministro Gabriel de Rezende Passos, em Moema, devido as obras de construção de um condomínio vizinho. Na casa, estavam um casal e uma criança de 9 meses. Os moradores investiram cerca de R$ 100 mil na residência alugada, com sistema de coleta de água de reuso e aquecimento solar.
    As obras do condomínio, que terão apartamentos de 280 m² com 4 suítes, começaram no final do ano passado. Há três meses, duas casas e um conjunto de prédios, adquiridos pela construtora, foram demolidas na vizinhança. Clemente Gauer, morador da casa, havia alertado a construtora de rachaduras que surgiram e que, após as chuvas fortes de verão, apareceram mais trincas na casa.
    No dia 11 de fevereiro, 12 horas antes da casa cair, o morador recebeu um email de um engenheiro da construtora informando que “conforme nossa análise, o imóvel não oferece um risco”.
    “Eu escutei um estalo de madeira, no canto da casa, e percebi que a trinca, que era pequena, tinha aumentado bastante. Acordei minha mulher pra gente ir pra outro lugar. Começamos a sair pelo jardim e a gente foi pego pela casa inteira caindo em cima da gente”, disse Clemente.
    A família solicitou à construtora transporte para retirar os objetos e móveis que sobraram. A família tinha uma caixa, contendo 6 mil euros (cerca de R$ 25 mil reais), que sumiu em meio aos escombros.
    A construtora Eztec, responsável pela obra do condomínio, falou que “apura o que aconteceu, segue rigorosos padrões de segurança e está prestando toda a assistência necessária”. A Prefeitura disse que o imóvel foi interditado e pediu obras de emergência para evitar mais danos.
    - Patrocinado -

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas