Vereador Marcelo Messias participa da 16ª edição do “Abraço Guarapiranga”

0
69

O Vereador ressaltou a importância da represa para a zona sul


Ocorreu no último domingo, dia 5, a 16ª edição do “Abraço Guarapiranga”, uma tradicional manifestação que visa mobilizar e alertar a população, empresas e todos os níveis de governo para a urgência na construção de uma nova cultura de cuidado com a água, sobretudo na represa de Guarapiranga e Billings, que está sendo aniquiladas pela destruição criminosa das áreas de proteção aos mananciais e sufocadas pelo despejo de esgotos e de lixo.

“As áreas verdes do entorno da Guarapiranga prestam enormes serviços ambientais para São Paulo, temos que lutar por sua preservação e conservação. Como morador da região, me sinto no dever te estar aqui, representando meus familiares, amigos e eleitores. Temos que ter essa consciência humanitária”, pontua o Vereador Marcelo Messias.

A represa do Guarapiranga é o segundo maior sistema de produção de água de São Paulo, produz em 15m³/s, que atende cerca de 5 milhões pessoas. Criada há 113 anos a represa é indispensável ao abastecimento de água de São Paulo, que é a região mais povoada do país, porém com baixa oferta de água.

Segundo a Sabesp, a cidade de São Paulo tem quase 370 mil imóveis sem ligação com a rede de esgoto, onde vivem aproximadamente 1,5 milhão de pessoas, e um terço dos imóveis sem saneamento básico estão na Zona Sul.

“As florestas atuam como “esponjas”, absorvendo a água em épocas de chuva, liberando-a gradualmente em períodos de seca. Além aumentar a infiltração e a retenção da água no solo, garantindo a recarga dos aquíferos, as áreas verdes do entorno da Guarapiranga prestam enormes serviços ambientais para São Paulo, servem de refúgio para animais silvestres e contribuem enormemente para o equilíbrio climático”, finaliza Marcelo Messias.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.