Varejo paulistano fecha julho com alta de 21,3% nas vendas

0
2

Dados apontam que a movimentação do comércio está em crescimento


A movimentação no varejo paulistano fechou julho em alta pelo terceiro mês consecutivo, o que mostra que a recuperação está mais próxima para o setor. Dados do Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), indicador com amostra da Boa Vista SA, registraram elevação de 21,3% sobre junho deste ano.

Comparado a julho do ano passado, a alta é ainda maior: 37,8%. Isso porque a base de comparação é fraca em razão da extensão das medidas restritivas ao comércio não essencial naquela ocasião. No acumulado do ano, o avanço é de 7,4%. Ainda assim, o setor não se recuperou das perdas. Confrontados, julho deste ano com o de 2019, época sem pandemia, as vendas permanecem -27,3%.

O economista-chefe da ACSP, Marcel Solimeo, lembra que o cenário sinaliza recuperação, mas ainda há muito o que percorrer para zerar as perdas. O fim das restrições e o avanço da vacinação vão contribuir para a retomada.

“A elevação de julho é explicada pela melhora geral da economia e da confiança do consumidor. No ano passado, nesse mesmo período, o comércio ainda sofria com restrições e acumulava perdas”, enfatiza.

Para Solimeo a flexibilização será essencial para que a economia volte a se mover. “Há expectativa de chegarmos ao mesmo patamar do final do ano 2019. Crescimento real para o varejo somente em 2022”, conclui.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.