Prefeitura fiscaliza comércio e apreende mercadorias ilegais em Santo Amaro

0
151

Comerciantes foram autuados e tiveram as mercadorias apreendidas nas ruas Mário Lopes Leão, Capitão Tiago Luz e Paulo Eiró.  No Terminal Santo Amaro as equipes de fiscalização apreenderam barracas de alimentos, bolsas, roupas e acessórios para celular. Também houve fiscalização no Largo 13 de Maio e na Av. Adolfo Pinheiro


Na última sexta-feira (31), a Subprefeitura Santo Amaro realizou uma operação contra o comércio ilegal na região de Santo Amaro. A Guarda Civil Metropolitana e a Polícia Militar também participaram da ação.

Apreensão de mercadorias no Terminal Santo Amaro. Foto: Instagram Subprefeitura Santo Amaro

No Terminal Santo Amaro as equipes de fiscalização apreenderam barracas de alimentos, bolsas, roupas e acessórios para celular.

Comerciantes foram autuados e tiveram as mercadorias apreendidas nas ruas Mário Lopes Leão, Capitão Tiago Luz e Paulo Eiró.  Também houve fiscalização no Largo 13 de Maio e na Av. Adolfo Pinheiro.

Segundo a Prefeitura, “no total, os fiscais fizeram cerca de 60 apreensões e todas as mercadorias apreendidas foram encaminhadas para o depósito da subprefeitura. Os ambulantes que trabalham ilegalmente são orientados pelos agentes para que façam a regularização de sua atividade.  A fiscalização no comércio irregular na região de Santo Amaro é realizada diariamente pelas equipes da subprefeitura”.

Também na sexta-feira (31) houve fiscalização em um shopping da Rua 25 de Março, região central, onde foram apreendidas 20 toneladas de mercadorias falsas. A operação contou com policiais da Delegacia Antipirataria, guardas civis metropolitanos e funcionários da Prefeitura.

Foram apreendidas bolsas, mochilas, brinquedos e caixas cheias de máscaras com o símbolo de marcas famosas. A mercadoria vai passar por perícia para identificar a origem do material. Além disso, 16 pessoas serão investigadas por crime contra a propriedade industrial.

No 1º semestre deste ano, operações contra a pirataria apreenderam mais de 21 milhões de reais em mercadorias falsificadas.


FALE COM A REDAÇÃO: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.