Parque Ibirapuera comemora 65 anos com programação especial

0
404

Durante cinco dias o parque oferece atividades gratuitas para os paulistanos, como observação de aves, oficina de jardinagem e sessão no Planetário


Na próxima quarta-feira (21), um dos principais cartões postais da cidade de São Paulo, o Parque Ibirapuera, completa 65 anos de existência. Até o dia 25, em diversos horários e áreas do parque, os frequentadores poderão participar de atividades gratuitas que também celebram os 44 anos da Escola de Jardinagem do Parque.

Para iniciar a comemoração, a Universidade Aberta do Meio Ambiente e Cultura de Paz (UMAPAZ), departamento de educação ambiental da SVMA, realiza a atividade Olhares em (Des)Construção, com caminhada e visita ao Campo Experimental da Escola Municipal de Jardinagem, das 14h às 16h.

Na terça-feira (20), a UMAPAZ tem duas atividades: das 10h às 12h, o programa “Conversa Com…”, recebe o arquiteto urbanista Welton Santos para apresentar a 14ª Lithopuntura do Parque Ibirapuera; e, das 14h às 16h, uma Aventura Ambiental vai explorar as dependências da UMAPAZ e do Viveiro Manequinho Lopes, com curiosidades sobre a Mata Atlântica e a biodiversidade.

O dia 21, data dos 65 anos do Parque, oferece muitas atrações:

• das 7h às 10h, haverá uma edição extra do clássico #VemPassarinhar, com observação de aves organizada pela Divisão de Fauna Silvestre da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente (SVMA)

• às 9h, haverá Dança Circular na Serraria, localizada próximo ao Portão 7

• às 13h, o “Conversa Com…” terá a presença de Heraldo Guiaro, Diretor do Parque Ibirapuera

• das 14h às 17h, uma Recreação Ambiental ensinará os participantes sobre questões ambientais e sustentabilidade, de forma lúdica, interativa e acessível

• das 16h às 17h, a Banda da Guarda Civil Metropolitana se apresenta na Praça do Porquinho, próximo ao Portão 6

• às 17h, haverá visita guiada Histórica à OCA, na OCA (perto do Portão 2)

• das 17h às 20h, a Banda de Jazz Paralelas se apresenta em um trajeto itinerante pelo parque

• às 18h30, acontece “Uma Noite no Jardim”, uma visita mediada com lanternas ao jardim das esculturas do MAM. É preciso chegar com 30 minutos de antecedência na recepção do Museu de Arte Moderna

• às 19h, começa o Módulo Experimental do curso “Luz das Estrelas”, que acontece todas as quartas-feiras até o final de setembro e estudará a natureza da luz, através de experimentos simples

Na quinta-feira (22), das 9h às 12h, a UMAPAZ realiza uma Oficina de Minijardins. Também haverá outra edição do Conversa Com…”, às 10h, com a crítica literária Rita Alves, discutindo Literatura no espaço urbano. A partir das 16h30, a Banda Itinerante da Marinha faz uma apresentação em frente ao Portão 3.

Na sexta-feira (23), às 14h, e no sábado, às 10h, acontece a Oficina do Livro “A Arte de Acompanhar”, sobre a prática de cuidar e acompanhar pessoas que estão no estágio final da vida.

No sábado (24), a programação é exclusiva para mulheres: das 10h às 17h, acontece o 1º Ocupa OCA das Mina, com atividades para o universo feminino jovem. Das 15h às 16h, o Coral da Guarda Civil Metropolitana se apresenta no Palco Arena de Eventos, no Portão 10.

No domingo, dia 25, o Museu Afro realiza uma visita, às 14h, com foco em “História, Memória e Arte dos brasileiros a partir da perspectiva afro-brasileira”. Das 17h às 18h40, o Planetário abre para a sessão Planetas do Universo (necessário adquirir ingressos) . Às 19h, coletivos de samba, cultura popular e teatro fazem um “Encontro Estéticas da Periferia” no Auditório Itaú Cultural. Para encerrar as comemorações, haverá apresentação da Fonte Luminosa, às 20h e às 20h30.


FALE COM A REDAÇÃO
Sugestões de pauta, envie email para: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.