Mais de 4,5 milhões de multas foram registradas no Brasil em agosto; crescimento foi de 86,9% em relação ao mesmo período do ano passado

0
624

Avançar o sinal vermelho, não utilizar o cinto de segurança e estacionar em locais proibidos também estão no topo da lista


Em agosto deste ano, foram aplicadas 4.528.513 multas de trânsito no Brasil, segundo dados disponibilizados pela Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran). Em comparação com o mesmo período do ano passado, houve 86,9% de aumento no número de infrações (2.422.079). 

A mais comum delas foi a de transitar acima da velocidade máxima permitida em até 20%, com 1.657.891 multas. Completam o topo da lista: avançar o sinal vermelho (328.443); transitar acima da velocidade máxima permitida de 20% a 50% (255.885); deixar de utilizar cinto de segurança (216.156); e estacionar o veículo em desacordo com as condições regulamentadas, como placas ou estacionamentos rotativos (213.349).

Entre os estados campeões em infrações em agosto, São Paulo lidera a lista com 1.320.175 multas recebidas pelos motoristas, o que corresponde a 29,1% do total de multas em todo País. Minas Gerais vem na sequência, com 487.491 infrações (10,7%) e, em terceiro lugar, está o Rio de Janeiro, onde foram aplicadas 481.041 infrações ou 10,6% do total de multas no Brasil, no mesmo período. 

André Brunetta, CEO do aplicativo Zul+, plataforma criada para facilitar a vida de quem dirige, ressalta a importância de uma direção segura. “Andar acima da velocidade, não usar cinto e furar o sinal vermelho favorecem os elevados números de acidentes no trânsito, ou seja, quem não respeita as leis, pode provocar ocorrências graves”. 

Além disso, o motorista precisa ficar atento aos prazos para quitar as multas. “O não pagamento impede a realização do licenciamento anual e também da transferência de propriedade. Já o motorista infrator que deixa de pagar a multa de trânsito é considerado inadimplente e tem seu nome inscrito na dívida ativa”.

Pagamentos via app

Uma alternativa para quem recebeu a notificação de multa é optar pelo pagamento com o uso do aplicativo Zul+. Primeiro, o motorista deve fazer o download gratuito do app para iOS ou Android. O próximo passo é fazer o cadastro do veículo, clicar no botão de multas e escolher a forma de pagamento. Entre as opções, o cliente pode pagar via PIX à vista ou pelo cartão de crédito em até 12 vezes. 

Importante destacar que Zul+ também conta com a funcionalidade de recurso de multas. Após efetuar o cadastro do veículo no app, o condutor acessa a função tributos, confirma que o automóvel foi autuado, responde algumas perguntas para fundamentar a defesa e paga uma taxa para receber o documento redigido por e-mail. Na sequência, é responsabilidade do motorista entregar o recurso para as autoridades de trânsito.


Confira o ranking das principais multas aplicadas nos três estados campeões em infrações em agosto:

São Paulo

InfraçãoTotal 
Transitar acima da velocidade máxima permitida em até 20%447.210
Avançar o sinal vermelho123.850
Deixar de utilizar cinto de segurança84.888
Estacionar o veículo em desacordo com as condições regulamentadas67.640
Transitar acima da velocidade máxima permitida de 20% a 50%64.418

Minas Gerais

InfraçãoTotal 
Transitar acima da velocidade máxima permitida em até 20%179.766
Estacionar o veículo em desacordo com as condições regulamentadas34.926
Avançar o sinal vermelho31.246
Transitar acima da velocidade máxima permitida de 20% a 50%27.448
Deixar de efetuar o registro do veículo no prazo de 30 dias19.286

Rio de Janeiro

InfraçãoTotal 
Transitar acima da velocidade máxima permitida em até 20%181.631
Avançar o sinal vermelho61.470
Estacionar o veículo em desacordo com as condições regulamentadas27.299
Deixar de utilizar cinto de segurança21.951
Transitar acima da velocidade máxima permitida de 20% a 50%20.110



Sobre o Zul+

O Zul+ é uma plataforma criada para facilitar a vida de quem dirige. Lançado em 2017, o aplicativo faz parte do grupo Estapar desde 2022 e está disponível em todo o território brasileiro. Dentre as principais funções do app, estão a seção de tributos para pagamento e parcelamento de multas, IPVA ou licenciamento, estacionamento rotativo, tag de pedágio sem mensalidade (que permite viajar sem pegar filas) e cálculo do valor a ser pago durante a viagem, seguros, pagamento de estacionamento de shopping e abastecimento via Shell Box. Além dessas facilidades, Zul+ apresenta informações do valor de mercado para compra ou venda de veículos, alertas de manutenção, busca por concessionárias e postos de combustível próximos e avisos sobre o rodízio de veículos.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.