Jornada do Patrimônio, em Santo Amaro, explora a arte de Júlio Guerra

0
469

Moradores da Zona Sul têm até o dia 3 de agosto para se inscrever na “Jornada do Patrimônio – Memória Paulistana: seguindo os passos de Júlio Guerra”, que visita as esculturas do artista santamarense


No dia 17 de agosto, as obras do escultor Júlio Guerra, instaladas pelo bairro de Santo Amaro, receberão uma atenção especial: um grupo de paulistanos fará uma visita guiada pelos locais durante a “Jornada do Patrimônio – Memória Paulistana: seguindo os passos de Júlio Guerra”.

A Jornada, que chega a sua 5ª edição em vários locais da cidade, é uma iniciativa do Departamento do Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura para “estimular a população a reconhecer os patrimônios históricos e culturais paulistanos, que tratam da memória e identidade dos diferentes grupos sociais presentes na cidade”, segundo a Prefeitura.

Julio Guerra foi um dos escultores mais famosos do país. A estátua do Borba Gato é um dos símbolos do bairro de Santo Amaro

Em Santo Amaro, a Jornada do Patrimônio vai visitar a escultura Iguatinga, o painel Barbeiro Anédes, o Monumento às artes, o famoso Borba Gato, as esculturas cemiteriais, a coluna à Paulo Eiró, o busto de Carlos da Silva Araújo e o Mural aos romeiros de Pirapora.

“Trata-se de um circuito com ônibus que percorrerá algumas das principais obras de Júlio Guerra com explicações sobre cada uma delas. No caso de Santo Amaro, o público alvo são pessoas maiores de 12 anos”, explica a organizada do evento, profª Inês Garbuio Peralta, do Instituto HILASA.

As inscrições devem ser feitas até 3 de agosto, pelo email: [email protected]. É preciso informar nome e idade. Estão disponíveis 26 vagas para pessoas maiores de 12 anos.

A visita terá início no Centro Cultural Santo Amaro na Av. João Dias, 822.

ROTEIROS DE MEMÓRIA

As Jornadas do Patrimônio são organizadas pelos munícipes, que criam Roteiros de Memória com os lugares a serem explorados e conhecidos. Os roteiros são enviados para o Departamento do Patrimônio Histórico que analisa se as propostas estão de acordo com os editais abertos.

Além da “Jornada do Patrimônio – Memória Paulistana: seguindo os passos de Júlio Guerra”, há outras Jornadas agendadas na cidade, para os dias 17 e 18 de agosto, que percorrem os seguintes locais: Cemitério da Consolação; São Matheus; Brás, Bexiga e Barra Funda; Liberdade; Ipiranga; Museu Afro Brasileiro; Bixiga; Avenida Paulista; Vila Madalena; Parque Ibirapuera; Lapa; Praça da Sé; Santa Ifigênia; Mooca; entre outros.


FALE COM A REDAÇÃO
Sugestões de pauta, envie email para: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.