Hospital da Cruz Vermelha, em Moema, recebe pacientes diagnosticados com Covid-19

0
198

Num primeiro momento, o Hospital terá 54 leitos: 20 de UTIs, 30 de enfermaria, três de admissão de pacientes e um de estabilização. A Cruz Vermelha também é um dos pontos de coleta de doações do programa Cidade Solidária, que ajuda famílias em situação de extrema vulnerabilidade


Na última sexta-feira (24), a Prefeitura de SP fechou uma parceria com o Hospital da Cruz Vermelha para receber pacientes diagnosticados com Covid-19, uma maneira de suprir a demanda por leitos na capital. “Esse hospital estava fechado por conta da pandemia do coronavírus. Vamos reabrir como um hospital referenciado com um custeio mensal de cerca de R$ 3 milhões. É um hospital que entra no nosso sistema de regulação e as pessoas que precisarem de atendimento serão encaminhadas”, explicou o prefeito Bruno Covas.

Num primeiro momento, o Hospital terá 54 leitos: 20 de UTIs, 30 de enfermaria, três de admissão de pacientes e um de estabilização; sendo que a unidade pode ter até 75 leitos, com 40 de UTIs, se houver equipamentos disponíveis.

Segundo a Prefeitura, “o prédio do hospital tem 3 mil m², três andares e mais o subsolo. Hoje o Hospital conta com 110 médicos (infectologistas, intensivistas, neurologistas, nefrologistas, urologista, cirurgiões gerais e cirurgiões plásticos), mais 268 profissionais entre administrativos, apoio e assistencial e aumentará seu quadro de profissionais de forma a atender à crescente demanda”. Além disso, ao lado do Hospital foram instalados dois contêineres refrigerados para abrigar 24 corpos.

Durante a pandemia, o Hospital da Cruz Vermelha vai funcionar de portas fechadas. Os pacientes serão encaminhados pela Secretaria Municipal da Saúde.

DOAÇÕES

Além desta parceria na Saúde, a Cruz Vermelha tem parceria com a Prefeitura na área social e também é um dos pontos de coleta de doações do programa Cidade Solidária, que recebe itens de limpeza, higiene e alimentos, no sistema Drive-Thru, que são encaminhados para comunidades carentes.

O endereço para entrega de doações é: Av. Moreira Guimarães, 699 – Indianópolis, de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h.

Na primeira etapa do programa, a população pode doar cestas de alimentos e itens de higiene pessoal e de limpeza. Todos os itens devem ser entregues em locais de coleta determinados pela Prefeitura, sendo três na Zona Sul:

  • no Centro Cultural da Diversidade, no Itaim Bibi (Rua Lopes Neto, 206);
  • no Centro Cultural Santo Amaro, em Santo Amaro (Avenida João Dias, 822);
  • e no Centro Cultural São Paulo, no Paraíso (no local de acesso de veículos, 20 metros antes da esquina com a Rua Vergueiro).

Além de doações de cestas básicas, a população pode doar qualquer valor em dinheiro para um Fundo com destinação exclusiva para aquisição de cestas e complementação de renda às famílias vulneráveis ou entregar cestas de alimentos e/ou de higiene e limpeza em qualquer um dos nove pontos de coleta distribuídos na cidade. Para ofertar grandes quantidades de cestas, ou algum dos itens solicitados, basta entrar em contato com o Portal 156.

Dados para doação: Banco do Brasil, PMSP/SMDU-Cidade Solidária, CNPJ: 46.395.000/0001-39, Agência 1897-X, C/C 2020-6.

Confira os itens de doação da cesta básica de alimentos: dois pacotes de leite em pó integral instantâneo, com 400 gramas cada; 5 kgs de Arroz agulhinha; 1 kg de Feijão carioquinha; 1,5 kg de Farinha de mandioca branca; 1 kg de Açúcar refinado; 900 ml de Óleo de soja; 1 kg de Sal; 1 pacote de Macarrão tipo espaguete; 1 embalagem em caixa de Polpa ou purê de tomate e 2 latas de Sardinha em óleo comestível.

Confira os itens de doação da cesta básica de higiene: Sabonete, Escova e creme denta, absorvente e Papel higiênico.

Confira os itens de doação da cesta básica de limpeza: Água sanitária; Detergente em pó; Desinfetante e Esponja multiuso.

As cestas também podem ser doadas na Biblioteca Mário de Andrade (Centro), no Teatro Arthur Azevedo (na Mooca), Tendal da Lapa (na Lapa), Casa de Cultura Vila Guilherme (na Vila Guilherme) e na Casa de Cultura do Butantã (no Jardim Peri).


FALE COM A REDAÇÃO: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.