Governo paulista anuncia 386 novos leitos em hospitais estaduais da capital e Grande SP

0
140

O fortalecimento da assistência aos usuários da rede pública de saúde ganhou reforço nesta quarta-feira (17), com o anúncio do governador Tarcísio de Freitas de 386 novos leitos em hospitais estaduais na capital e na Grande São Paulo. As vagas serão ativadas de forma gradativa nos próximos meses, começando com a operação imediata de 28 leitos no Instituto Emílio Ribas.

“O SUS é nosso maior patrimônio, é universal, mas vem sofrendo com o subfinanciamento há anos. Criamos a Tabela SUS Paulista para dar o exemplo e remunerar várias vezes o que é remunerado, cobrando a contrapartida da produção dos hospitais. Quem mais produz, mais recebe. O primeiro efeito é o aumento na quantidade de leitos e de procedimentos, mais gente sendo operada e recorde de cirurgias. É o que já está acontecendo”, disse Tarcísio. “Estamos aqui para abrir mais 386 leitos e aproveitar a capacidade que temos. Antes de pensar em abrir hospitais, temos que mobilizar todos os leitos que temos no entorno”, reforçou.

O anúncio foi feito no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP com a presença do secretário estadual da Saúde, Eleuses Paiva, do presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Alesp), André do Prado, autoridades estaduais e gestores da área da saúde.

A distribuição dos equipamentos levou em conta o planejamento estratégico para otimizar o atendimento e melhorar a prestação de serviço do SUS (Sistema Único de Saúde). Somente no HC, serão 200 vagas a mais. Os leitos também serão ativados no Instituto Emílio Ribas e Hospital Heliópolis, ambos na capital, e no Hospital Regional de Osasco. O reforço vai ajudar a desafogar unidades que enfrentam picos de atendimentos devido a casos de dengue e doenças respiratórias como covid-19 e gripe.

Os novos leitos no HC vão atender a todos os institutos, incluindo o Instituto do Câncer do Estado de São Paulo e viabilizar mais 4,8 mil internações por ano. O HC, que completa 80 anos na próxima sexta-feira (19), também ganhará 12 novas salas cirúrgicas totalmente modernizadas que vão permitir aumento de 8,8 mil procedimentos de alta complexidade por ano.

Para garantir a distribuição equitativa das novas vagas, também haverá ativação de 56 leitos no Instituto Emílio Ribas. Do total, 28 vagas têm operação imediata para atendimento exclusivo a casos complexos de dengue. Outros 100 leitos serão entregues no Hospital Heliópolis, na zona sul da capital, e mais 30 no Hospital Regional de Osasco.

“Esses novos leitos equivalem a dois hospitais de médio porte a mais para a população e reforçam o compromisso da atual gestão em fortalecer a assistência aos usuários da rede pública”, afirma o secretário Eleuses Paiva.

A expansão dos serviços de saúde com atendimento de qualidade é um compromisso da gestão estadual com a população. Desde janeiro de 2023, a Secretaria de Saúde abriu 1,7 mil novos leitos hospitalares, com 230 vagas de UTI. Com a ativação total dos leitos anunciados nesta quarta, serão mais de 2 mil novas vagas para internação na rede estadual.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.