Governo de SP amplia horário de funcionamento do comércio e compra 4 milhões de vacinas

0
5

A partir de amanhã (9), os comércios podem funcionar até às 23h, com limite de 60% de ocupação. A medida vale até o dia 31 de julho. Ao Plano Estadual de Imunização foram adicionadas quatro milhões de doses da Coronavac para antecipar o calendário de imunização


O Governo de São Paulo ampliou o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais. A partir da próxima sexta feira (9), os comércios podem funcionar até às 23h, com limite de 60% de ocupação. A medida vale até o dia 31 de julho.

“Com mais vacinas para toda a população e a queda constante dos índices da pandemia, caminhamos passo a passo, de uma maneira gradual e segura, para a volta plena do funcionamento da economia em São Paulo”, declarou o governador João Doria.

O novo horário também vale para restaurantes e bares, salões de beleza, barbearias, academias, clubes e espaços culturais como cinemas, teatros e museus. “Todos devem obedecer aos protocolos setoriais de segurança sanitária previstos no Plano SP. Permanecem liberadas as celebrações individuais e coletivas em igrejas, templos e espaços religiosos, desde que seguidos rigorosamente todos os protocolos de higiene e distanciamento social”, informou o Governo de São Paulo.

O Estado de SP já vem registrando uma queda no total de novos casos, internações e mortes provocadas pelo coronavírus. Por isso, a partir do dia 17 de julho pretende fazer 30 eventos testes para a retomada dos eventos nas áreas de economia criativa, negócios, lazer, esportes e turismo. Segundo o governo, o objetivo é criar um planejamento seguro, responsável e baseado na ciência com o apoio do setor privado.

“Com a melhoria dos indicadores da pandemia, vamos dar um novo passo na retomada econômica no Estado de São Paulo e vamos iniciar o acompanhamento de 30 eventos nas áreas de cultura, negócios, lazer, esportes e turismo. Os eventos serão realizados com testagem obrigatória e pessoas vacinadas, além de manter rígidos protocolos sanitários para segurança, controle e monitoramento dos participantes”, afirmou Doria.

+ VACINAS PARA SP
Cerca de quatro milhões de doses da vacina Coronavac serão entregues ao Plano Estadual de Imunização. Essas doses, de acordo com o governador, são exclusivas do Estado de São Paulo para antecipar o calendário de vacinação.

“O reforço no total de vacinas contra o coronavírus em São Paulo é mais uma garantia que o PEI será cumprido. A meta é que toda a população adulta dos 645 municípios paulistas esteja protegida com ao menos uma dose até o dia 15 de setembro, com possibilidade de antecipação conforme a disponibilidade de imunizantes”, disse o Governo.


SUGESTÕES DE PAUTA[email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.