Conheça Marcelo Messias, substituto de Ricardo Nunes na Câmara Municipal de São Paulo

0
2

Quando foi assessor do então vereador Ricardo Nunes, atual vice-prefeito da cidade de São Paulo, Marcelo adquiriu ainda mais experiência na gestão pública e no cuidado com os munícipes. Há três meses no mandato, Marcelo Messias tem 43 projetos em tramitação e um Projeto de Lei aprovado


Por: assessoria de imprensa Marcelo Messias

O vereador Marcelo Messias começou a trabalhar aos 11 anos vendendo pastel na feira e, hoje, além da função legislativa municipal, gerencia sua própria rede de consultórios odontológicos.

Em 2012, passou a participar mais ativamente de ações políticas na Zona Sul de São Paulo. Em 2020, esteve na chefia de gabinete da Subprefeitura Capela do Socorro. Imprimindo forte ritmo de trabalho, conseguiu números expressivos nas ações da subprefeitura, tais como: 87 obras, 25 praças e vielas revitalizadas, 1.243.700 m² de cortes de grama, 159.007 m² de córregos limpos, 5.090 buracos tapados, 1376 árvores podadas e 613 de bocas de lobos renovadas.

Quando foi assessor do então vereador Ricardo Nunes, atual vice-prefeito da cidade de São Paulo, Marcelo adquiriu ainda mais experiência na gestão pública e no cuidado com os munícipes.

“Ao receber o convite [para se candidatar a vereador], conversei com Deus e pedi a ele que me guiasse para o que fosse o melhor para mim e para minha família, pois creio que essa é a base para que eu siga firme nesse projeto”, afirma Marcelo.

Há três meses no mandato, Marcelo Messias tem 43 projetos em tramitação e um Projeto de Lei aprovado, o PL 0129/2021, que teve por finalidade prorrogação do prazo de protocolamento para regularização de edificações, que se encerraria em 31 de março deste ano, uma vez que as medidas sanitárias em decorrência da pandemia restringiu os munícipes.

Como profissional da área da saúde, batalhou e conseguiu a inclusão dos odontólogos no Plano Nacional de Imunização contra à Covid-19 e segue dialogando com a Prefeitura e com a Secretaria Municipal de Saúde para que todos esses profissionais sejam vacinados, uma vez que cidades vizinhas da Capital já o fizeram por reconhecer o risco ao qual essa categoria está exposta.

Marcelo Messias doou R$ 1 milhão de emendas parlamentares para São Paulo utilizar no consórcio nacional de aquisição de vacinas. Além disso, fez indicações para que fossem abertos postos de vacinação em sistema drive-thru no Parque do Ibirapuera, no Shopping Fiesta e no Shopping Metrô Santa Cruz.

Solicitou ainda a volta do passe livre no transporte público para munícipes maiores de 60 anos que já haviam recebido o benefício anterior à Lei 17.542/2020, que revogou a gratuidade. E votou favorável ao PL 177/2021 que institui o PPI – Programa de Parcelamento incentivado.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.