125 anos de jornais de bairro: os guardiões da história

0
18

De 1895 para cá, não só a cidade se transformou como também os jornais de bairro: em plena era da revolução digital, os jornais não só mantêm o trabalho jornalístico periódico como ampliaram a interação com seus leitores. Mas, uma coisa permanece a mesma: o foco editorial na comunidade!


Por: Wagner Farias

Em 1º de setembro de 1895, circulava na capital paulista o primeiro jornal de distribuição regional. O Braz surgiu com o objetivo de publicar demandas daquela região da cidade, que na época ainda tinha apenas 65 mil habitantes!

Na atualidade, a capital tem mais de 12 milhões de habitantes, 96 distritos oficiais e centenas de “bairros”, que têm seus limites definidos mais por memórias, histórias, características próprias de cada pedaço da cidade. Nessa paisagem, os jornais de bairro resistem, informando, reivindicando, divulgando cultura, serviços, histórias… Sem falar no fortalecimento do comércio local, que encontra nos jornais verdadeiros parceiros para facilitar o alcance de suas mensagens para o morador das redondezas.

A Associação dos Jornais e Revistas de Bairro de São Paulo reúne veículos periódicos, idealistas, que se tornaram canais de informação, prontos a contribuir para o crescimento e a solução de problemas em cada região da cidade. O trabalho constante e profissional transforma cada jornal de bairro em um canal permanente de comunicação com a comunidade local, dando voz aos cidadãos e conectando entidades, estabelecimentos, poder público e todos os atores nos mais diferentes bairros.

Agora, em plena era da revolução digital, os jornais não só mantêm o trabalho jornalístico periódico como ampliaram a interação com seus leitores por meio de seus sites, redes sociais, aplicativos!

De 1895 para cá, portanto, não só a cidade se transformou como também os jornais de bairro. Mas, uma coisa permanece a mesma: o foco editorial na comunidade!

Representantes da Associação dos Jornais e Revistas de Bairro de São Paulo

SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.