UNIP e Objetivo abordam temática da memória na live: “Curadoria de memórias: os “guardados” podem ajudar pessoas com comprometimento cerebral?”

0
1053

Já parou para pensar como é maravilhoso poder lembrar de tantos fatos acontecidos em nossa vida? Ou, ainda, por que depois de aprendida determinada técnica nunca mais nos esquecemos? Bom exemplo é o andar de bicicleta. Todo esse mecanismo vem de um dos fenômenos mais misteriosos do cérebro humano: a memória.

Estudos mostram que a memória pode ter curta ou longa duração e é dividida em declarativa, que é quando nos lembramos de algum acontecimento, uma festa, por exemplo, e memória processual, aquela ligada à habilidade de fazer algo, como andar de bicicleta. Há também um outro aspecto importante da memória: ela não é um órgão, uma glândula ou algo parecido. Trata-se de uma reação biológica e psicológica que acontece dentro de nossas cabeças.

Com tudo isso, dá para ver que a memória pode ser comparada a um imenso quebra-cabeça, em que cada peça necessita de uma outra para formar a incrível mente humana.

Para falar sobre assunto tão interessante e instrutivo, as redes sociais da UNIP e do Objetivo realizam a live “Curadoria de memórias: os “guardados” podem ajudar pessoas com comprometimento cerebral?”.

A atividade acontece em 7 de novembro, às 15h, e terá como palestrante a Profa. Ana Carolina Rossini Perriello, docente no curso de Psicologia da UNIP, campus Limeira. Perriello é também especialista em Neuropsicologia. Na live, ela explicará:

O que é e como funciona a memória?

O que é uma curadoria de memórias?

Qual a relação existente entre emoção e memória?

Qual a importância da memória afetiva? O que faz com que despertemos essas memórias?

Como funciona o armazenamento de lembranças no cérebro?

Um paciente com Alzheimer precisa manter vínculos afetivos (lembranças guardadas como fotos, objetos, receitas, música)?

Por que muitas vezes lembramos de alguns momentos da nossa infância, mas esquecemos do que almoçamos no dia anterior?

A memória declina com o decorrer dos anos?

Como podemos estimular seu funcionamento?

Assista em:

https://www.youtube.com/user/UNIPOficial

https://www.linkedin.com/school/unip/

https://www.facebook.com/UNIPoficial

https://www.facebook.com/ObjetivoOficial/

https://www.youtube.com/user/ObjetivoOficial

https://www.linkedin.com/company/col%C3%A9gio-e-curso-objetivo


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.