Time de futsal da Zona Sul completa 50 anos de existência

1
364

Em 1970 alguns amigos se juntaram numa banda musical que se tornou no Succatha Futsal que joga todos os sábados no CDC Ipasure, em Veleiros


Todos os sábados, desde o dia 13 de maio de 1970, um grupo de amigos se reúne para jogar futebol de salão. E hoje, 13 de maio de 2020, o Succatha Futsal, o time de futebol de salão mais tradicional do bairro de Veleiros, na Zona Sul da capital paulista, completa 50 anos.

O time, inicialmente, era uma banda musical. Música vai, música vem, a banda se tornou num time de futebol. E os fundadores, hoje, apoiam os jogadores indo aos jogos e torcendo.

Os fundadores do Succatha Futsal

“Os fundadores continuam indo a quadra, pra participar da conversa e do churrasco que temos no pós-jogo. Eles participam frequentemente como torcedores, mas a diretoria é composta por novos membros”, explica o presidente do time, Douglas Silva.

Desde o início, o time joga no CDC Ipasure, em Veleiros. Após um período em outras quadras, o Succatha Futsal voltou às suas raízes no local. “Jogamos aos sábados com outros times e participamos de uma liga reconhecida no Estado de São Paulo, a FutLiga, e jogamos em campeonatos”, complementa Douglas. O time já ganhou o Jogos da Cidade, representando a região de Santo Amaro, e também ganharam campeonatos no Grajaú e em Veleiros.

Como aconteceu no início, e virou tradição, o time é formado por amigos. “Basicamente é formado por time entre amigos, com amigos convidados ou que querem participar do time. Nós formamos o elenco que joga regularmente, um ou outro sai, mas a gente tenta manter o mesmo elenco”, diz o presidente.

Com a pandemia do coronavírus e a regras de isolamento social, a comemoração vai acontecer pelas redes sociais, com depoimentos de jogadores e torcedores importantes destes 50 anos do Succatha Futsal. “Eu tive o prazer de vestir essa camisa durante 39 anos. Quantos sábados tivemos juntos, fazendo aquilo que a gente mais gosta que é jogar futebol. É uma satisfação enorme fazer parte dessa família. Torço que a gente continue comemorando muitos aniversários”, disse em depoimento o ex-jogador Edu.


FALE COM A REDAÇÃO: [email protected]

- Patrocinado -

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta para Rafael Christe dos Reis Cancelar comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.