Prefeito Ricardo Nunes celebra sucesso do Programa Rede Cozinha Escola no CEI Itatinga

0
292

Durante programação do Prefeitura Presente Vila Mariana, Prefeito Ricardo Nunes comemorou o sucesso do programa com a administradora de um dos CEI


No final de 2023, a Prefeitura de São Paulo inaugurou no CEI Itatinga, Pedreira, zona sul, uma unidade do Rede Cozinha Escola, programa sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC) e da sua Secretaria Executiva de Segurança Alimentar e Nutricional e de Abastecimento (SESANA) que tem por finalidade produzir refeições para a população vulnerável da cidade e fornecer capacitação para a área de serviços de alimentação, em parceria com Organizações da Sociedade Civil (OSC).

Na última semana, durante a inauguração do Descomplica SP Vila Mariana, o prefeito Ricardo Nunes chamou ao palco Lurdinha, administradora do CEI Itatinga, que compartilhou com ele um vídeo de como o serviço do Rede Cozinha Escola está impactando positivamente a vida da população. São mais de 400 refeições servidas nesse espaço, com a qualidade que merecem.

Pela parceria, cada Organização da Sociedade Civil (OSC) recebe recursos para contratar trabalhadores e deve assegurar a oferta de no mínimo 400 refeições diárias, de segunda a sábado, segundo as necessidades da comunidade ou do grupo social assistido, de acordo com os padrões estabelecidos pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania.

Sobre os cursos

Com foco na geração de renda, o Cozinha Escola explora as oportunidades da gastronomia enquanto importante ferramenta de reinserção social e econômica. É por meio das qualificações que o cidadão aprende conceitos ligados às boas práticas de manipulação de alimentos, combate ao desperdício, consumo consciente, sustentabilidade, Mundo do Trabalho e técnicas culinárias, além de encontrar ambiente propício para o desenvolvimento de competências técnicas e habilidades comportamentais que o permitam gerar renda de forma autônoma ou conquistar uma vaga no mercado de trabalho.

Todas as qualificações oferecidas no âmbito do Cozinha Escola são gratuitas. As aulas são ministradas por profissionais capacitados, no formato presencial e acontecem em cozinhas situadas em equipamentos públicos ou de entidades credenciadas junto à Fundação Paulistana.

A duração dos cursos varia entre curta, média e longa. Os temas são definidos com base nas oportunidades do mercado e demandas do setor. O público-alvo prioritário do programa é o cidadão em condição de vulnerabilidade socioeconômica, mas o programa é aberto a todos aqueles que tenham interesse em gerar renda, seja acessando o mercado de trabalho ou empreendendo.

Para participar das oficinas e cursos o cidadão deve realizar a inscrição de acordo com as informações disponibilizadas na página do Cozinha Escola, no site da Fundação Paulistana. São requisitos para realizar a inscrição: ter 18 anos ou mais e estar cursando o ensino fundamental, minimamente.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.