Quadrilha é presa por sequestrar e extorquir idosos em Moema

0
70

As investigações aconteceram por 40 dias: as vítimas eram observadas quando saíam de bancos, lojas de grife ou das suas próprias casas. Pelo menos 15 ataques foram feitos nos últimos meses


Cinco homens foram presos em Moema suspeitos de fazerem parte de uma quadrilha especializada em sequestro relâmpago: as principais vítimas eram idosos e pessoas que estivessem sozinhas.

As vítimas eram observadas quando saíam de bancos, lojas de grife ou das suas próprias casas. Nesse momento, eram seguidas e atacadas.

“Eles procuravam idosos em carros bons e aí depois de feita a abordagem, a captura desses idosos, eles simplesmente pegavam seus cartões de crédito, junto com a senha, e esvaziavam suas contas bancárias”, disse o delegado Murilo Roque.

As investigações aconteceram por 40 dias e a ação foi deflagrada pela 2ª Delegacia Seccional, por meio de equipes do 27º Distrito Policial Campo Belo.

Segundo a Polícia, a quadrilha é suspeita de praticar pelo menos 15 ataques nos últimos meses em bairros nobres da capital paulista. Durante a prisão, duas armas foram apreendidas e outras três pessoas que também faziam parte do grupo estão foragidas.

Os suspeitos já têm passagem pela Polícia por sequestro e devem cumprir 15 dias de prisão temporária. “Dois dos capturados, além de presos temporariamente por meio de mandados, foram detidos por posse ilegal de arma, já que foram flagrados na posse de revólver calibre 38 e simulacro de pistola”, informou a Secretaria de Segurança Pública.

A quadrilha também realizou sequestros relâmpagos na Zona Oeste de São Paulo: eles escolhiam ruas sem movimento e que fossem rota de fuga, com acesso às principais vias expressas da cidade.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.