Parque Independência é parcialmente fechado para obras do Bicentenário

0
141

Em 7 de setembro de 2022 será comemorado o Bicentenário da Independência do Brasil e por isso seguem a todo vapor as obras de revitalização no Parque Independência, no Ipiranga. Com canteiros isolados por conta de transplantes de árvores, manutenções no Monumento e seu entorno, restauração de postes e luminárias e serviços executados também na galeria pluvial, as próximas semanas terão um aumento no fluxo de caminhões, profissionais e equipamentos.

A fim de continuar atendendo bem o frequentador e modernizando o parque para a grande festa de setembro, estarão temporariamente fechadas as áreas do Monumento, Casa do Grito, Ladeira do Skate e do terreno destinado à ampliação. Seguem abertas a pista de cooper e as áreas de banheiros e de piquenique (atrás do Museu), pelos portões da Avenida Nazaré e da Rua Padre Marchetti.

Parque Independência

Espaço é um patrimônio nacional, onde o grito da independência do país foi proclamado por Dom Pedro I. Na Colina do Ipiranga, junto ao Riacho do Ipiranga, em 1822, que ocorreu o famoso grito de independência do Brasil em relação a Portugal, por parte de Dom Pedro I. Desde então, a área passou a ter um valor simbólico especial.

O Parque Independência tem também um impressionante e belíssimo jardim francês, que liga o Monumento à Independência ao Museu do Ipiranga. Ele foi inaugurado em 1909, inspirado no Jardim de Versalhes, na França, em um perfil estilístico revivalista e traz elementos clássicos como chafariz, lago, fontes e estátuas. Como um parque municipal, foi implantado em 1989.

Mas não só de beleza e história que vive o Parque Independência. A área verde também é rica em sua fauna e flora. Foram identificadas 160 espécies arbóreas na região, metade natural da cidade de São Paulo e 39% tidas como exóticas. Destacam-se a araucária, o pau-ferro, a paineira, a árvore-da-borracha e o amendoim-acácia, usadas no trabalho de paisagismo.

A fauna do Parque Independência tem o registro de 94 espécies, sendo 73 de aves e quatro mamíferos. Há 14 espécies de borboletas também catalogadas. Entre os mamíferos, estão a preguiça-de-três-dedos, o gambá-de-orelha-preta e os saguis-de-tufo-branco e de-tufo-reto. O local é ótimo para avistar papagaios, periquitos, maracanãs e tuins, além de pica-paus e pássaros da família do bem-te-vi.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.