Jovem é baleado por falso entregador de aplicativo após gritar ajoelhado que ‘não tinha nada’ no Jabaquara

0
111
Imagens: Câmeras de segurança divulgada pelo G1

Renan Silva Loureiro, 20 anos, reagiu ao ver o assaltante correr pra cima da namorada e levou 4 disparos


No anoitecer da segunda-feira (25) o jovem Renan Silva Loureiro, de apenas 20 anos, reagiu a um assalto, na região do Jabaquara, Zona Sul, e foi morto com 4 disparos pelo assaltante que estava disfarçado de entregador de alimentos por delivery.

Em imagens de câmeras de segurança, é possível ver o casal andando pela Rua Frei Farto, quando o motoqueiro passa e decide voltar para assaltar. Renan e a namorada tentam correr, mas o assaltante dá disparos pra cima para intimidá-los, ao estar ajoelhado, Renan grita que não tem nada (para levar), mas quando o assaltante caminha em direção a namorada, Renan se levanta e ao tirar as mochilas, o assaltante reage atirando quatro vezes.

O assaltante fugiu com o celular da namorada. A Polícia Civil está trabalhando com outras câmeras de segurança da região para identificar o assaltante, e registraram o caso como latrocínio, que é roubo seguido de morte no 16º Distrito Policial Vila Clementino.

A namorada ficou de joelhos ao lado, enquanto chegava moradores da rua e uma viatura da Polícia Militar. Ela não ficou ferida. Desejamos força para ela lidar com essa perda da melhor forma possível.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.