Itaim Bibi está entre os 10 bairros mais sujos da capital paulista

0
932

Desde dezembro, a Prefeitura de SP luta na Justiça para concluir a licitação de varrição, gasto estimado em R$ 80 milhões mensais

 

O Itaim Bibi está entre os 10 bairros mais sujos da capital paulista, com 228 reclamações entre os meses de janeiro a outubro de 2018, segundo informações do portal Dados Abertos. No mesmo período, a Prefeitura recebeu mais de 13 mil reclamações sobre sujeira na cidade.
Além do Itaim Bibi estão no ranking do bairros mais sujos: Santa Cecília, República, Freguesia do Ó, Santana, Bom Retiro, Brasilândia, Lapa, Belém e Pinheiros.
Um bairro da Zona Sul garantiu o primeiro lugar na lista dos mais limpos: Marsilac, na região de Parelheiros, recebeu apenas uma reclamação sobre sujeira. No Mapa da Desigualdade de 2018, o bairro conquistou o melhor indicador na emissão de poluentes atmosféricos, devido seu alto índice de arborização.
A limpeza da capital paulista tem sido pauta nas últimas semanas. No dia 11 de janeiro, a Justiça suspendeu a licitação da varrição de ruas, devido a uma ação civil movida por uma das empresas participantes que diz haver problemas na formação do preço.
No dia 16 de janeiro, o mesmo juiz que autorizou a suspenção, da 5° Vara da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça de SP, derrubou a liminar que impede a licitação.
Em dezembro de 2018 a Prefeitura não havia conseguido finalizar o processo de licitação para os serviços de varrição e precisou fazer um contrato emergencial, que se estende desde 2017 com o término do contrato das empresas Soma e Inova. A última licitação foi realizada em 2011, na gestão de Gilberto Kassab.
O novo edital propõe que a limpeza da cidade seja dividida em seis partes, ou seja, serão seis empresas para cuidar da varrição. As empresas tem a responsabilidade de varrer e lavar as ruas, remover entulho, capinar o mato, pintar as guias, operar os ecopontos, limpar bueiros e lixeiras. O valor a ser pago, mensalmente, pela Prefeitura, chega a R$ 80 milhões.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.