Coronel Salles agradece apoio de Santo Amaro ao tomar posse como Vereador titular

0
841

Almoço na Padaria Santa Marcelina rendeu gratidão pelos votos e planejamentos para futuros projetos sociais


Oalmoço da sexta-feira (3) foi muito prazeroso para Marcelo Vieira Salles, o Coronel Salles, na Padaria Santa Marcelina, que tomou posse como vereador titular no dia 1º, após o então vereador José Police Neto assumir o cargo de Secretário Executivo de Habitação do Estado de SP.

Estiveram presentes no almoço Antônio Guilherme Amaral de Brito, junto ao filho Guilherme Brito, donos do Santa Marcelina; Ana Paula Quintão, diretora do Instituto Anglicano; Reverendo Aldo Quintão, da Catedral Anglicana; Padre Alfredo Nascimento Lima, da Paróquia Santa Cecília; José Silva e o ex-ministro do Trabalho e Previdência, José Carlos Oliveira.

“Vim em Santo Amaro agradecer a todos ao apoio que tive do Ministro Oliveira; do Amaral e do Guilherme; do reverendo Aldo; e de todos aqui. Foram milhares de votos no nosso projeto e me coloco as ordens para melhorar a vida das pessoas”, declarou o Coronel Salles.

O almoço foi regado a bom humor, contação de histórias e momentos marcantes, com Coronel Salles narrando algumas de suas histórias. “Servi na PM por 35 anos. Nos últimos dois como Comandante Geral da PM”, explicou, e complementou que viveu também como Subprefeito da Sé, região central.

Em descontração, Coronel Salles confessou pequenos detalhes que fazem a diferença no dia a dia e se disse preparado. “Fui de escola pública, por conta disso me voluntariei e hoje faço parte da comissão de educação, cultura e esportes da Câmara, com esse espirito que a gente consiga melhorar a segurança, mas de maneira anterior ao processo, tendo a educação como a melhor ferramenta para a mudança de comportamento”, mostrando que a segurança é combatida, primeiro, pela educação!

Quem planejou esse bom bate papo no almoço foi o ex-ministro Oliveira, que retribuiu a parceria de cuidar da capital paulista. “Tive o prazer de ajudá-lo na última campanha para vereador. Infelizmente, acabou como primeiro suplente. Agora tem aí dois anos pela frente como vereador titular”, ressaltou Oliveira.

E tem como almoçar na mesma mesa que o Seu Amaral, português e dono da Santa Marcelina e não comer um autêntico bacalhau? O jornalista do Grupo Sul News, Matheus Laube, comemorou quando viu a opção gastronômica. “Bacalhau é irresistível quando bem feito, mas vindo de um autêntico português não tem igual. Foi um almoço dos campeões”, finaliza Matheus.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.