16.4 C
São Paulo
domingo, 26 junho, 2022
Mais

    Coordenadoria de Agricultura vistoria equipamentos na Zona Sul

    Mais lidas

    A Coordenadoria da Agricultura, departamento que passou a integrar a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo em fevereiro deste ano, realizou nesta segunda-feira (14) uma série de visitas a equipamentos públicos e a um sítio da Zona Sul da cidade. O roteiro começou pela Casa de Agricultura Ecológica da Zona Sul (CAE Sul), onde atuam Cristiano José Gomes, gestor ambiental e Aline Dias Ferreira de Jesus, engenheira agrônoma.

    A equipe da Coordenadoria, que participou da atividade, é formada por Lia Palm, Analista de Políticas Públicas e Gestão Governamental e à frente do setor; Cristina Abi Jabbour, assessora técnica da coordenadoria da agricultura e presidente interina e secretária executiva do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário (CMDRSS), Luiza Aparecida de Araújo, Assistente Administrativo de Gestão e nutricionista e Lucas Nascimento assessor técnico.

    “Nosso objetivo é estreitar o relacionamento com produtores agrícolas da região para compreender as principais demandas e poder encaminhá-las internamente na Prefeitura, contribuindo para o trabalho de cultivo agroecológico e de preservação do meio ambiente desta zona rural tão importante para a nossa cidade”, afirma a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso. “Implantar políticas públicas de incentivo à agricultura na cidade de São Paulo, como a ampliação do uso e acesso das Plataformas SisRural e Sampa+Rural, serão ações prioritárias”, conclui.

    Antes de iniciar o roteiro, Lia Palm participou de uma reunião com o subprefeito de Parelheiros, Marco Antônio Furchi, ao lado da equipe da CAE Sul. O encontro tratou das ações que estão sendo concebidas para a região por parte da Coordenadoria e também os próximos passos da Subprefeitura, como a melhoria na estrutura viária para auxiliar os agricultores no escoamento da produção agrícola.

    Na sequência, o grupo seguiu para o Sítio Nova Esperança, de Ana Santos e Jaime Ramos. A família mudou-se para Parelheiros há 10 anos e desde então cultiva frutas, legumes, verduras e PANCs no terreno, recebendo assistência técnica da equipe da CAE e do Projeto Ligue os Pontos para melhorar a plantação por meio de informações e insumos, além de equipamentos como o trator que prepara a terra para a próxima safra.

    A última parada da equipe foi o Parque Nascentes do Ribeirão Colônia, que sedia a Escola de Agroecologia de Parelheiros, onde foi recebida pela responsável pelo local, a engenheira agrônoma Roseli Allemann. Ela apresentou as instalações da escola para a equipe, assim como a horta cultivada no local e uma sala de aula a céu aberto, usada para atividades externas com vista para o parque.

    São Paulo Capital Verde Iberoamericana
    No último sábado (12), a Prefeitura de São Paulo preservou, em evento no Parque Augusta, o título “São Paulo Capital Verde Ibero-Americana 2022”, concedido pela União de Cidades Capitais Ibero-americanas (UCCI) e anunciou a regulamentação do Programa de Pagamento por Prestação de Serviços Ambientais em Áreas de Proteção aos Mananciais do Município de São Paulo (PSA) e o primeiro edital para recompensar quem preserva o meio ambiente em áreas de proteção de mananciais.


    SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

    Leia mais

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    - Patrocinado -

    Últimas