Ação de conscientização tem Ponte Estaiada com iluminação azul em temperaturas a 13ºC

0
488
O Monumento às Bandeiras, no Ibirapuera, também entrou na causa

Iniciativa é forma de sensibilizar a sociedade sobre importância de ajudar pessoas em situação de rua


A Prefeitura está iluminando de azul o Monumento às Bandeiras, no Ibirapuera, e a Ponte Estaiada Octavio Frias de Oliveira, que passa sobre o Rio Pinheiros e a Marginal, sempre que a temperatura atingir 13ºC na cidade. A medida tem o objetivo de sensibilizar a população sobre as baixas temperaturas e a importância da ligação para o 156 para pedir acolhimento a pessoas em situação de rua.

A Capital Paulista possui a maior rede socioassistencial da América Latina, com mais de 24 mil vagas de acolhimento para as pessoas em situação de rua em Centros de Acolhida, hotéis sociais, Repúblicas para Adultos e Vilas Reencontro, por exemplo, oferece acolhimento a pessoas em situação de rua durante todo o ano. Além disso, a Prefeitura tem contratado vagas nos chamados hotéis sociais de acordo com a demanda.

Entretanto, nos dias mais frios do ano, devemos reforçar as ações, oferecendo mais serviços além de abrigos: cobertores, itens de alimentação (sopa, pão, chocolate quente, chá e água), vacina contra a Influenza e a Covid-19 e também atendimento médico com ambulâncias que atendem a cada uma das tendas que são montadas quando a temperatura cai para 13º graus.

A iluminação é ativada sempre que a temperatura ou sensação térmica atingir 13 °C ou menos. A operação conta com 1.700 vagas emergenciais em 38 serviços e com dez tendas de atendimento instaladas em diferentes pontos estratégicos da cidade. Nesses locais são oferecidos alimentos como sopa, chocolate quente, pão, chá e água, cobertores e vacinas contra covid e gripe para a população em situação de rua, entre 18h e 0h.

Atualmente, dos 346 serviços de acolhimento da Prefeitura, 15 equipamentos possuem vagas de canil, sendo que seis são dentro OBT, nos Centros Esportivos Municipais, que funcionam como serviço de acolhimento emergencial. Os animais são acolhidos em canis individuais, onde recebem ração e água.


SUGESTÕES DE PAUTA: reportagem@gruposulnews.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.