6ª Delegacia Seccional de Santo Amaro dá boas vindas a novo delegado

0
146

O Dr. Cosmo Stikovics Filho foi recebido por autoridades policiais e políticas e diz que já iniciou uma operação contra crimes no transporte público na região de Interlagos

 

Na última sexta-feira (29), autoridades policiais e políticas participaram de um café da manhã de boas-vindas ao Dr. Cosmo Stikovics Filho, novo delegado da 6ª Delegacia Seccional de Polícia de Santo Amaro. O evento foi realizado pela Associação dos Moradores, Empresários e Amigos da Capela do Socorro e contou com a participação do Deputado Estadual Adalberto Freitas (PSL).
“A 6ª Delegacia Seccional é a maior delegacia seccional de São Paulo, em termos de extensão. A Polícia Civil, hoje, está super preparada, e essa equipe, principalmente. É um Doutor que tem muita experiência, tenho certeza que vai trazer muitos benefícios para a população local”, disse.
O novo delegado, responsável pela região Sul, tem grandes expectativas. “Aqui nós temos 43% da área da capital de São Paulo. Quer dizer, a maior área circunscricional de toda a capital. É uma área difícil e de muita carência. Há necessidade de muitas políticas sociais, mas dentro dos nossos recursos, estamos fazendo o máximo”, esclareceu o Dr. Cosmo Stikovics Filho.
O vereador Zé Turin, diz que conhece o novo delegado há muitos anos e aprova sua maneira de trabalhar. “Eu fui membro do Conseg Santo Amaro também e conheço o trabalho sério dele. A gente sempre discute que segurança não é só a Polícia, é o preventivo”.
A delegada titular da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), em Santo Amaro, Juliana Bussacos, revela que o Dr. Cosmo foi um dos responsáveis pelo novo prédio da DDM na região. “Ele só tem a acrescentar. É sensível a causa da violência contra a mulher, inclusive, ele junto com o 99º DP foi quem idealizou e executou pessoalmente o projeto de criação das novas instalações do prédio”. Sobre o combate contra a violência doméstica na região, ela diz que, “as mulheres sempre sofreram violência doméstica, mas não tinham coragem de denunciar. Agora, conscientes de seus direitos e com a possibilidade de romper com esse ciclo de violência”.
Lucia Brugnera, presidente do Grupo Hera Artemisul, que luta há anos para implantar uma Delegacia da Mulher na região de Interlagos, se diz esperançosa com o novo apoio. “Já estivemos com o Dr. Cosmo em uma reunião para pedir o apoio dele. É um pessoa muito engajada e pude perceber que ele acredita na necessidade da criação da 10º DDM, uma necessidade comprovada em números já que a 6ª DDM é a que tem mais Boletins de Ocorrência em São Paulo”.
Um dos vereadores mais ativos na Zona Sul, Ricardo Nunes, se diz “entusiasmado, porque ele é conhecido como linha dura. E a criminalidade não se combate com flores, tem que respeitar a constituição, mas sendo firme. A gente precisa melhorar os nossos índices que aqui na região são muito altos”.
Juliana Lopes, que termina seu mandato como presidente da Associação Empresarial da Região SUL, acredita que a segurança na região precisa melhorar, para o bem dos empresários. “Sempre que um novo comando assume as esperanças se renovam, então, esperamos novos incrementos para melhorar a segurança, porque a gente sabe que aqui a criminalidade está grande”.
Um dos principais desafios que o novo delegado vai enfrentar, é a crescente onda de assaltos no transporte público, que vem aterrorizando a população da Capela do Socorro e extremo Sul. O Chefe dos Investigadores da 6ª Seccional, Dr. José Roberto dos Santos, conta que uma operação já foi criada para combater os crimes.
“O Dr. Cosmo determinou uma operação que se chama Boa Viagem, onde policiais estão trabalhando para prender esses ladrões que estão causando temor na sociedade dentro dos coletivos. Nós já temos informações de pessoas que já participaram de roubos a ônibus e um dia, cedo ou tarde, serão presos”, disse.
O Dr. Cosmo Stikovics Filho explica como funciona: “Nós estamos colocando policiais dentro dos ônibus, à paisana, numa média de três policiais dentro das linhas onde há maior incidência de roubo, e também no terminal onde embarcam e onde normalmente desembarcam, com uma viatura no corredor de ônibus dando apoio aos policiais. Tivemos êxito com 3 indivíduos presos. As investigações já estão avançadas no sentido de alcançar os receptadores desses telefones”.
Segundo o Coronel Marcos, do Comando de Policiamento de Área Metropolitano (CPAM/10), as investigações, no geral, tem o apoio da Polícia Militar. “Trabalhamos em conjunto com a Policia Civil desde a criação de ambas as instituições”.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.