Parques de SP ganham novos pontos públicos de coleta de lixo eletrônico

0
444

Além do Ibirapuera, parques Trianon, Mário Covas e Povo, no Itaim, agora fazem parte desta iniciativa pioneira no país

 

A cidade de São Paulo ganhou três novos pontos públicos de coleta de lixo eletrônico nos parques Trianon e Mário Covas, na região da Paulista, e no Parque do Povo, na Vila Olímpia, zona sul da cidade. As instalações são resultado de iniciativa conjunta do Movimento Greenk (criado para conscientizar e mobilizar a sociedade para o descarte correto do lixo eletrônico), o Principado de Mônaco e a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, e prevê, ainda, a inauguração de mais 11 pontos públicos de coleta até o final deste mês, sem nenhum custo para a cidade.
Agora, estes três parques se juntam ao Parque do Ibirapuera, que recebeu o primeiro coletor público da cidade em maio deste ano. Com menos de um mês, o coletor do Ibirapuera precisou ser esvaziado duas vezes. “Sabíamos da necessidade da população mas estimamos, juntamente com a Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, uma retirada inicial a cada 30 ou 45 dias. Para nossa surpresa, em menos de um mês já realizamos duas retiradas, o que significa que sociedade já abraçou a ideia do descarte correto do e-lixo”, comemora Fernando Perfeito, do Movimento Greenk.
“Os primeiros resultados desta iniciativa apontam que estamos diante de um ‘case’ de educação ambiental. Tenho certeza que os novos coletores inaugurados, e os próximos que ainda vamos instalar, vão ajudar a difundir ainda mais a prática do descarte correto do lixo eletrônico por toda a cidade”, destacou o Secretário do Verde e do Meio Ambiente, Eduardo de Castro.
Todo este esforço é um primeiro passo para mudar a realidade do descarte correto de eletrônicos no país. Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil é o sétimo maior produtor de e-lixo do mundo e segundo nas Américas, com 1,5 milhão de toneladas/ano. Deste montante, apenas 3% são descartados corretamente.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.