Linhas 1, 2 e 3 do Metrô podem ganhar portas nas plataformas

0
630

As paradas mais movimentadas dessas linhas, como Jabaquara, Tucuruvi, Corinthians-Itaquera e Barra Funda, não fazem parte do projeto apresentado em audiência pública

 

No dia 6 de junho, o Metrô de SP realizou uma audiência pública para apresentar o edital que pode contratar 88 portas para as plataformas de 36 estações das Linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha.
As paradas mais movimentadas dessas linhas, como Jabaquara, Tucuruvi, Corinthians-Itaquera e Barra Funda, não fazem parte do contrato. O Metrô não explicou o motivo.
Atualmente, apenas linhas mais novas do Metrô possuem essas portas nas plataformas, impedindo o acesso dos passageiros aos trilhos e evitando acidentes.
O Metrô pretende lançar a licitação no segundo semestre deste ano, e fazer a assinatura do contrato no início de 2019. Quem vencer vai ter 4 anos e meio (até 2023) para realizar a instalação das portas, implantar um simulador e um centro de monitoramento. O Metrô não informou o valor do investimento no projeto apresentado.

No início deste ano, o Metrô pediu autorização da Assembleia Legislativa, para usar o dinheiro que sobrou do financiamento da Linha 5-Lilás (cerca de R$400 milhões) para colocar portas nas plataformas. O gasto total seria de R$454 milhões, aproximadamente.
Segundo o secretário municipal de mobilidade e transportes, João Octaviano Machado Neto, as obras podem aumentar os ajustes, pois essas estações não foram projetadas para terem portas nas plataformas. “Além disso, como as estações estão em funcionamento, o horário de trabalho ficará restrito à madrugada”.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.