Estado de vulnerabilidade alta atinge 43% dos moradores do Grajaú, revela pesquisa

0
435

Em outro extremo da Zona Sul, no Capão Redondo, a taxa ficou em 27,9%, sendo que, a média na cidade de São Paulo está em 8,9%

 

Um estudo de contexto realizado pelo Programa Adolescente Saudável revela que cerca de 43% da população que mora no Grajaú está em estado de vulnerabilidade alta ou muito alta. Em outro extremo da Zona Sul, no Capão Redondo, a taxa ficou em 27,9%. Em contrapartida, a média na cidade de São Paulo está em 8,9%.
No estudo, foram mapeadas características sociodemográficas de ambos os distritos. Um dos dados revela que, em 2016, cerca de 15,41% dos bebês nascidos vivos no Grajaú são filhos de adolescentes, em sua maioria negras, com menos de 19 anos. No Capão Redondo o índice cai para 14%. Neste mesmo ano, cerca de 17% das mães moradoras do Capão Redondo e outras 22% moradoras do Grajaú não realizaram o pré-natal, o que indica insuficiência dos serviços de saúde nessas regiões.
Com relação a educação, no ano de 2011, cerca de 6,8% dos alunos do Capão Redondo e 6,5% no Grajaú abandonaram o Ensino Médio e no bairro Alto de Pinheiros, apenas 0,3% dos alunos deixaram o Ensino Médio. O Capão Redondo e o Grajaú também marcam taxas de 20,1% e 23,9%, respectivamente, na reprovação escolar, enquanto em Pinheiros, apenas 2% dos alunos reprovaram em 2011.
O Programa Adolescente Saudável é promovido pela AstraZeneca e a Plan International Brasil, e nos próximos três anos vai atuar nessas regiões para beneficiar mais de 40 mil jovens, através de ações de empoderamento para criação de hábitos saudáveis, mobilização da comunidade, fortalecimento de parcerias para atrair políticas públicas, e formar o protagonismo nos adolescentes participantes das ações.
“Envolveremos o Grajaú e Capão Redondo em uma rede de conscientização e ação, focando em fortalecer a qualidade, prestação de serviços de saúde e o empoderamento dos jovens para o cuidado em relação à própria saúde, bem como a de seus pares”, relata Cynthia Betti, Diretora Executiva da Organização Não Governamental.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.