Biblioteca de Santo Amaro recebe óculos que transforma texto em áudio e facilita acesso de deficientes visuais

0
400

O óculos transforma textos em áudio, fotografa e escaneia páginas 

 

Nesta segunda-feira (27) o prefeito Bruno Covas visitou o Centro Cultural Santo Amaro para entregar um óculos scanner que transforma textos em áudio, fotografa e escaneia páginas. A Biblioteca Prestes Maia, que fica dentro do Centro Cultural, foi o 12° equipamento público a receber uma unidade do óculos.
“Qualquer pessoa que tem deficiência chega aqui na biblioteca e tem um acervo em braile muito grande. Hoje com um óculos a pessoa entra aqui e escolhe qualquer livro, e não precisa estar em braile. Ele põe esse óculos que lê o livro pra ele”, explicou o secretário municipal de cultura, André Sturm.
Os óculos  OrCam MyEye podem ser usados em livros, revistas, jornais, placas de rua, mensagens de celular, entre outros.
Segundo o prefeito Bruno Covas, todas as bibliotecas de São Paulo devem receber uma unidade do óculos até o próximo ano. “A gente já tem recursos para comprar para mais 20 bibliotecas. Estamos tentando recursos para comprar para ainda mais 10, o que seriam já 42 das 54 bibliotecas já cobertas nesse ano de 2018. E até o ano que vem a gente pretende cobrir todas as 54 bibliotecas com pelo menos um equipamento desse, para termos todas as nossas bibliotecas acessíveis”, disse em entrevista a Gazeta de Santo Amaro.
A Biblioteca Prestes Maia também recebeu um “gibizão” da Turma da Mônica, autografado pelo cartunista Maurício de Souza. Considerado o maior gibi do mundo, o exemplar está no Guinness World Records: são 16 páginas com 6 histórias em um metro de comprimento e 70 centímetros de largura.
- Patrocinado -

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.