Grupo Sul News

Aumenta percentual de roubos em apartamentos

Jardim Marajoara ainda é alvo de criminosos

No final de agosto, a polícia prendeu um homem suspeito de integrar uma quadrilha que realiza assaltos no Jardim Marajoara, na Zona Sul de São Paulo. Segundo imagens do SPTV, os assaltantes agiam quando os condôminos entravam no prédio com seus carros, ou saíam do prédio a pé, sempre à noite ou logo pela manhã.

Segundo pesquisa, em 2016 houve um aumento de 172% em roubos a condomínios. Como tentativa de reduzir esse índice, estratégias de segurança passaram a ser adotadas por diversos prédios em todo país. Projetos que unem segurança eletrônica e equipe terceirizada treinada para atuar nesse segmento, são recursos essenciais nos dias atuais.

Segundo Alexandre Judkiewicz, Diretor de Operações de uma empresa de segurança e serviços, atitudes dos moradores também contribuem no projeto de segurança. O condômino deve seguir as normas de segurança do condomínio, avisar ao porteiro quando espera alguma encomenda, visita de familiar ou prestador de serviço, e evitar expor sua rotina em redes sociais, principalmente quando vai viajar. “Quando uma quadrilha está apta a assaltar um condomínio, eles estudam muito o perfil do morador e do prédio”.

O morador também deve ficar atento a movimentações estranhas ao redor do prédio.

Dicas para quem vive em condomínios

– A entrega de encomendas, flores, correspondências, etc., que não tenham sido solicitadas ou que não está sendo esperada deve ser recusada, ainda que o portador se apresente na companhia de empregados do condomínio.

– Quando recepcionar entregadores de encomendas, faça-o nas áreas de uso comum do edifício, à vista dos funcionários da portaria.

– Separe antecipadamente todas as chaves e controles que precisará para entrar no condomínio, agilizando ao máximo o seu acesso.

– Ao sair para fazer caminhada pelas ruas do bairro, procure sempre estar acompanhado por vizinhos, parentes, amigos e evite ruas desertas ou mal iluminadas.

– Não acione portas e portões automáticos de longe, especialmente se observar pessoas estranhas nas proximidades.

– Alterne as ruas que utiliza para chegar a seu condomínio. Prefira pontos que lhe são conhecidos e movimentados.

– Mantenha sempre com você os telefones da portaria e do síndico. Se notar algo estranho, avise imediatamente ou peça ajuda.

– Ao chegar ou sair do condomínio ou da garagem, observar se não há pessoas estranhas ou suspeitas. Se houver, aguardar ou dar voltas até sentir-se em segurança.

– Em caso de alguma situação suspeita, solicitar o apoio policial através do tel.: 190.

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link