Grupo Sul News

Telhado de igreja no Valo Velho cai após vendaval

O vento derrubou o telhado da Paróquia São Francisco de Assis e atingiu mais 3 casas

A Paróquia São Francisco de Assis está situada na Rua Luar do Sertão. Imagem: Divulgação

No dia 16 de novembro, um forte vendaval atingiu a Paróquia São Francisco de Assis, localizada no Valo Velho – Zona Sul da cidade e derrubou o telhado da Igreja e de mais 3 casas. Foram, aproximadamente 5 minutos para que todo o telhado viesse ao chão.

Quem estava lá e viu todo o desastre foi a sacristã Ana Angélica Alves, que trabalha na Paróquia há 5 meses. Ela se abrigou na sacristia no momento do desabamento. “Tudo aconteceu 30 minutos antes de começar a Santa Missa. O tempo fechou e parecia que ia cair uma chuva forte. Eu me abriguei na sacristia porque senti que era o lugar mais seguro. E em questão de minutos eu vi o teto desabar. Imagine o vento forte, o telhado desabando, as telhas voando, atingiu três casas e um carro. Foi terrível. Um trabalho de anos que em 5 minutos estava tudo no chão”, relata.

A Paróquia São Francisco de Assis estava passando por reformas desde o começo do ano. A parte interna do templo foi reformada com uma nova pintura e piso. Os muros ao redor da igreja estavam recebendo novas grades. Agora, todo o dinheiro está sendo revertido para a reconstrução do telhado. Mas, ainda não é suficiente. O Padre Gean Medeiros, responsável pela Paróquia, diz que as dívidas são muitas.

“No início de 2017 nós iniciamos a reforma do telhado do centro catequético, que não foi atingido, e as reformas nos muros e nos espaços administrativos. A própria nave da igreja tinha acabado de passar por uma reforma de pintura, de piso, na capela e sacristia, e iluminação. Ainda estamos pagando essa dívida, que foi contraída em 2017. Então fomos surpreendidos com o desastre do nosso telhado que devastou tudo aquilo que a gente tinha conquistado ao longo desse ano. Então hoje nós temos 2 dívidas: aquela de restauro e reforma e agora a devolução do telhado da nossa igreja para retomarmos as nossas atividades”, afirma.

Enquanto acontecem as reformas, as missas estão sendo realizadas no Salão Paroquial, um espaço que só comporta 150 pessoas, ao contrário do Templo principal onde cabem 300. “Nós temos uma participação grande por parte da população. Aos domingos nós temos 5 Santas Missas, e por uma questão de espaço, agora nós vamos aumentar mais uma missa, então teremos 6 missas aos domingos, para tentar na medida do possível acolher os nossos paroquianos com conforto”, explica o Padre Gean.

A Paróquia realiza diversas ações sociais com a comunidade, entre elas, mantêm o Núcleo de Convivência do Idoso, com atividades para 200 idosos, e distribuição de cestas básicas. Além disso, um projeto novo está em andamento: a criação de uma creche que vai atender 149 famílias e gerar 21 empregos diretos. Um convênio já foi acertado com a Prefeitura, e a creche deve abrir em fevereiro de 2018.

A Igreja está recebendo doações de eletrodomésticos para fazer rifas e doações em dinheiro para continuar as reformas. Para quem deseja ter mais informações sobre como ajudar na reconstrução a igreja basta ligar para o número 5872-3388.

Confira imagens da Paróquia momentos depois do desabamento do telhado

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link