Grupo Sul News

Operação Verão 2017/2018 conta com policiais militares na baixada

A operação também conta com o reforço da policia civil e de guarda-vidas

A Secretaria da Segurança Pública iniciou na quarta-feira (20) a Operação Verão 2017/2018, que conta com 2.954 policiais militares em 16 municípios do litoral sul e norte de São Paulo. A ação se estenderá até o dia 16 de fevereiro.

Os municípios contemplados são: Guarujá, Santos, São Vicente, Praia Grande, Iguape, Cananeia, Peruíbe, Ilha Comprida, Itanhaém, Mongaguá, Cubatão, Bertioga, Ilhabela, São Sebastião, Ubatuba e Caraguatatuba.

A operação é feita em parceria com as cidades do litoral, que oferecem aos policiais hospedagem e alimentação. Os policiais que vão atuar na praia foram cedidos por outras unidades do estado.

Marcelo José Vianna, Coronel da PM e Comandante do Comando de Policiamento de Trânsito contou que “até fevereiro a PM intensifica em todo o litoral os programas de preservação da ordem pública. As pessoas ficam despreocupadas nesses períodos de festas, e a gente procura pregar a responsabilidade. A cada ano os resultados da operação verão são melhores.O policiamento de rotina da PM continua sendo feito na Capital. Inclusive, uma parte significativa da operação militar, que vai ao litoral, são alunos do colégio da PM, capacitados para a operação”.

OPERAÇÃO PRAIA SEGURA
O Corpo de Bombeiros ainda realizará a Operação Praia Segura, que visa intensificar a prevenção de afogamentos a partir de atividades de busca e salvamento, resgate de embarcações em situações de risco, entre outras.

Para tanto, serão empregados 600 guarda-vidas por tempo determinado (GVTD), que atuarão no Grupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros. Eles orientarão e protegerão os banhistas em praias e represas.

REFORÇO DA POLÍCIA CIVIL
Para a Polícia Civil, serão 2.726 vagas para o período da Operação Verão. Os policiais atuarão junto ao efetivo nas ruas, nas delegacias, no trabalho de investigação e no atendimento à população. Eles serão contratados por meio da Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho Policial Civil (Dejec). A Dejec permite aos policiais trabalharem voluntariamente em suas folgas, com direito a uma remuneração adicional, por até 8 horas e em até 10 dias no mês.

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link