Grupo Sul News

Como organizar quarto infantil sem transtornos

Personal organizer dá dicas sobre como montar ou renovar o quarto da criançada

Outubro é o mês das crianças, assim, a personal organizer Luara Faria dá dicas para pais de primeira viagem e, também, para os que aguardam a chegada de mais um filho, organizarem o quarto dos pequenos sem transtornos.

Brinquedos sem bagunça

A atividade preferida das crianças deve ser incentivada nesse espaço e, para os pais que fazem questão da participação dos filhos na hora de guardar e organizar os brinquedos utilizados na hora da brincadeira, o ideal é manter recipientes adequados para o armazenamento de peças de diferentes tamanhos. Luara explica que não adianta guardar tudo em um grande baú, onde as peças pequenas ficariam esquecidas no fundo do móvel. O ideal é que brinquedos pequenos sejam categorizados e armazenados em cestos plásticos sem tampa ou caixas transparentes.

Objetos sempre à mão

Livros e brinquedos e outros objetos dentro de caixas ou no alto dificultam o acesso da criança. O ideal é que eles fiquem ao alcance das mãos, para incentivar o manuseio.

Quarto setorizado

No caso de quartos de bebês é possível organizar as roupas e brinquedos por faixa etária. Nos armários, divisórias de cabides com marcações ajudam os pais a identificar as roupas que servirão nos filhos por fase, evitando que as peças passem despercebidas e deixem de ser utilizadas. Para quartos compartilhados, a dica é subdividi-lo pelo número de crianças, mesmo que haja apenas um guarda-roupas é preciso preservar a individualidade de cada filho, separando roupas e até mesmo brinquedos. Para filhos únicos, essa subdivisão pode ser feita por área, pois, destinar espaços exclusivos para brincadeira, estudo e vestuário, ajudará a criança a se organizar e a manter o espaço organizado.

Marcenaria planejada

Os móveis escolhidos para os quartos infantis também podem contribuir para a organização. Guarda-roupas bem divididos com prateleiras, cabideiro e gavetas ajudam na hora de separar e armazenar os objetos infantis. Prateleiras e nichos ajudam a expor e deixar sempre à mão, objetos de uso frequente; e manter uma escrivaninha ou mesa em um dos cantos do quarto, podem ajudar na hora do estudo.

Organizado e seguro

Segurança é uma das grandes preocupações quando se fala em quarto infantil. Os cuidados básicos incluem: afastar móveis e objetos onde a criança possa subir ou se apoiar de janelas, acoplar cantoneiras nas quinas dos móveis e utilizar protetores específicos em tomadas, afastando o risco de choque.

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link