Grupo Sul News

Como amenizar os efeitos da ressaca

Dores de cabeça, enjoo e indisposição são os principais sintomas da ressaca

Indicação é um copo de água para cada copo de bebida alcoólica

Com as festas de fim de ano aumenta a quantidade de reuniões de família e as confraternizações entre amigos e colegas de trabalho. Dores de cabeça, enjoo e indisposição são os principais sintomas da ressaca, comum quando se excede na quantidade ingerida de álcool.

Os sintomas são provocados pela desidratação do organismo e pelo excesso de trabalho que o fígado faz para eliminar o álcool do sangue. O principal segredo para não ter ressaca é beber com moderação, porém, se sabe que vai exagerar na dose, o ideal é tomar 1 copo de água para cada copo de bebida.

Confira dicas para diminuir os sintomas da ressaca:

Repouso e água

Tire o dia seguinte para descansar. Como o álcool tem efeitos que demoram para ser metabolizados, o repouso é essencial para que os sintomas sejam amenizados rapidamente.

Comidas leves

Devido a ingestão de substâncias que afligem o estômago, o ideal é comer comidas leves e tomar bebidas suaves que não agridam ainda mais o estômago. O café não é indicado para quem está de ressaca, pois, como é um estimulante pode potencializar o desconforto estomacal. Chá de gengibre é uma boa opção para acalmar. Alimentar-se bem ajuda a reduzir os enjoos matinais. A banana ajuda o estômago a produzir muco, protegendo-o contra o ácido gástrico que causa azia.

Praticar Yoga ou caminhar

Exercícios físicos leves ajudam a aumentar a frequência cardíaca e a circulação sanguínea, o que estimula a transpiração.

Analgésico

É indicado tomar um analgésico para minimizar a dor de cabeça que desperta após a bebida.

Suco natural de frutas

Sucos naturais possuem o açúcar conhecido como frutose, que ajuda o corpo a queimar o álcool mais depressa.

Intervalo de 48 horas

É indicado que o intervalo para a próxima sessão de bebidas seja de 48 horas. A brincadeira popular de que ressaca se cura com outra ressaca é perigosa e pode deixar alguém doente, levando a vícios difíceis de superar.

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link