Grupo Sul News

Pizza napolitana foi nomeada patrimônio imaterial da humanidade

O prato se adequa a qualquer hora e em qualquer lugar

Pizza decorada em prol do reconhecimento da UNESCO. Imagem: Divulgação

Conhecida em todo o mundo, a pizza napolitana ganhou reconhecimento mundial tornando-se patrimônio imaterial da humanidade. A Unesco, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, ressalta a importância de um país ter uma culinária que identifica e une o povo.

Dois milhões de pessoas assinaram a petição mundial para apoiar a candidatura desta “arte” praticada atualmente em Nápoles por quase 3.000 pizzaiolos e que, segundo os promotores da iniciativa, “desempenha um papel essencial na vida social e na transmissão entre gerações”.

Com o reconhecimento das pizzas napolitanas, associações italianas criaram o “Dia Mundial do Pizzaiolo”, que será celebrado em 17 de Janeiro.
A data foi escolhida por coincidir com o Dia de Santo Antão, considerado o protetor dos fornos e pizzas.

Você sabia?

Ao contrário da pizza romana, a pizza napolitana tem a massa grossa, uma borda generosa e usa poucos ingredientes. As primeiras pizzarias foram criadas no final do século XVIII, e surgiram em Nápoles como pães, formas rápidas e baratas de alimentar multidões, mas demorou quase um século para que elas saíssem do país. Outro detalhe curioso é que o voo das massas, tido como acrobacia, serve na verdade para oxigenar a mistura.

Adicionar comentário

Cadastre-se em nossa
Newsletter

Receba Notícias, Eventos, e muito mais
da sua Região.
CADASTRAR
Caso não queira se cadastrar ou já tenha se cadastrado,
basta fechar essa janela para continuar lendo.
close-link